11 de Junho de 2014 / às 16:10 / 3 anos atrás

SAIBA MAIS-Conheça os 23 jogadores de Portugal

LISBOA (Reuters) - Conheça detalhes dos 23 jogadores convocados por Portugal para a Copa do Mundo. 

Equipe titular de Portugal antes do amistoso pré-Copa contra a Irlanda, em Nova Jersey, nos EUA. 10/06/2014. REUTERS/Ray Stubblebine (UNITED STATES - Tags: SPORT SOCCER WORLD CUP)

GOLEIROS

Rui Patrício (Sporting Lisboa), 26 anos, 29 jogos. Sempre jogou no mesmo clube. Assumiu a titularidade de Portugal um pouco antes da Eurocopa de 2012 e a posição é dele desde então. Esteve presente em todas as partidas na Polônia e na Ucrânia e durante as eliminatórias da Copa do Mundo.

Eduardo (Braga), 31 anos, 33 jogos. Brilhou por Portugal na Copa do Mundo de 2010 e teve um papel-chave nas temporadas impressionantes do Braga em 2008/09 e 2009/10. Passou uma temporada no Genoa, mas tudo deu errado com uma mudança para o Benfica e perdeu o seu lugar, tanto no clube, quanto na seleção. Agora, de volta ao Braga, defende bem chutes e pênaltis, mas tem problemas pelo alto. 

Beto (Sevilla), 32 anos, 7 jogos. Viajou muito e chegou ao Sevilla via Sporting, Chaves, Marco, Leixões, Porto, Cluj, da Romênia, e Braga. Ágil e corajoso, não permite que a sua baixa estatura o impeça de lidar com as bolas aéreas. 

DEFENSORES

Bruno Alves (Fenerbahçe), 32 anos, 71 jogos. Não compromete, é forte e agressivo. Usa a altura e a capacidade de cabecear para ser eficiente nos dois lados do gramado. Ídolo da torcida do Porto, clube no qual foi formado e pelo qual conquistou quatro títulos portugueses seguidos. Foi para o Zenit St. Petersburg e depois para o Fenerbahçe. Algumas vezes, é criticado por exagerar na força. Seu pai Washington é um ex-jogador brasileiro que passou a maior parte da carreira jogando em Portugal.

Fábio Coentrão (Real Madrid), 26 anos, 43 jogos. Originalmente um ala, foi o motor do Benfica na campanha campeã portuguesa de 2009/10 antes de assinar pelo Real Madrid. Apesar de não conseguir ser titular no clube, geralmente preterido por Marcelo, continua a ser a primeira opção do seu país e jogou a Copa do Mundo de 2010 e a Eurocopa de 2012.

Pepe (Real Madrid), 31 anos, 56 jogos. Defensor intenso e firme, também pode jogar como volante. Sofreu com várias lesões, mas ainda é um rápida e intimidador, que protege várias áreas do campo e tem influência na equipe. Esteve envolvido em vários incidentes polêmicos. Nasceu no Brasil, foi para Portugal aos 18 anos para jogar pelo Marítimo e recebeu cidadania em 2007. 

João Pereira (Valencia), 30 anos, 35 jogos. Rebelde em personalidade e estilo de jogo, ataca pela lateral-direita e gosta de pegar os adversários desequilibrados. Estreou pela seleção com Paulo Bento depois da Copa do Mundo de 2010 e vem jogando regularmente desde então.

André Almeida (Benfica), 23 anos, 3 jogos. Almeida pode jogar como meia ou como lateral. Representou Portugal nas divisões de base e foi convocado apesar de fazer apenas dez partidas pela liga nesta temporada com o Benfica. Perdeu espaço para uma legião de jogadores estrangeiros.

Ricardo Costa (Valencia), 33 anos, 18 jogos. Zagueiro que entrou e saiu do time nacional nos últimos nove anos, inclusive ausente entre 2006 e 2010. Vai disputar sua terceira Copa do Mundo. Cresceu no Porto, passou três temporadas no Wolfsburg, foi campeão do Alemão e se juntou ao Valencia, em 2010. 

Luis Neto (Zenit St. Petersburg), 26 anos, 7 jogos. Zagueiro que demorou para aparecer no time principal. Fez sua estreia na elite apenas aos 23 anos, quando deixou o Varzim, da segunda divisão, para jogar no Nacional. Rapidamente se destacou e foi contratado pelo Siena. Um ano depois, foi para o Zenit. Estreou na seleção em fevereiro deste ano. 

MEIAS

Miguel Veloso (Dínamo Kiev), 28 anos, 47 partidas. Versátil, tem um pé esquerdo muito habilidoso e é especialista nas cobranças de falta. Produto da academia do Sporting, já foi criticado por se concentrar mais no seu cabelo do que no seu jogo. Amadureceu depois de se transferir para o Genoa e se transferiu para a Ucrânia em 2012. Jogou na Eurocopa daquele ano e sempre esteve presente durante as eliminatórias.

Raul Meireles (Fenerbahçe), 31 anos, 73 jogos. Com muitas tatuagens e taticamente astuto, pode ter perdido um pouco de mobilidade, mas continua com um passe apurado e tem um chute poderoso. Jogou as Euros de 2008 e 2012 e a última Copa do Mundo, mas foi suspenso na temporada em que o clube que defendia, o Chelsea, venceu a Liga dos Campeões, em 2012. Recebeu 11 partidas de suspensão por supostamente cuspir em um árbitro da liga turca depois de ser expulso. Negou essa acusação.

João Moutinho (Monaco), 27 anos, 66 jogos. Ninguém entendeu por que não foi convocado para a Copa do Mundo de 2010, mas Moutinho tornou-se um jogador-chave com Paulo Bento. Joga mais recuado, é frequentemente elogiado pela consistência e visão tática. Combina trabalho duro com desarmes firmes e tem uma excelente distribuição de jogo e dita o ritmo das transições da defesa para o ataque. Foi do Porto para o Monaco nesta temporada.

Ruben Amorim (Benfica), 29 anos, 11 jogos. Corre de área a área e foi incluído na equipe da Copa do Mundo de 2010, mas sofreu uma cirurgia no joelho, no Benfica, no começo de 2011, que atrasou sua carreira. Depois de se recuperar, criticou o técnico do Benfica, Jorge Jesus, por não ter lhe dado mais chances, recusou-se a treinar com os reservas em certo ponto e foi emprestado ao Braga. Vem sendo convocado regularmente por Portugal nos últimos 18 meses.

William Carvalho (Sporting), 22 anos, 3 jogos. Volante, nascido em Angola, foi para Portugal muito jovem e se juntou às divisões de base do Sporting no começo da adolescência. Retornou ao Sporting nesta temporada depois de seis meses com o Brugge e estreou pela seleção como substituto na repescagem da Copa do Mundo contra a Suécia.

ATACANTES

Silvestre Varela (Porto), 29 anos, 22 jogos. Tem o azar de ser um ponta no time que tem Cristiano Ronaldo e Nani, e geralmente também sofre para jogar pelo Porto. Destacou-se ao marcar um gol no fim da partida contra a Dinamarca na Eurocopa de 2012. Sempre faz investidas pelas pontas e produz cruzamentos perigosos. 

Hugo Almeida (Besiktas), 30 anos, 54 jogos. Alto e forte, o atacante fornece presença aérea a Portugal, mas algumas vezes não se movimenta direito. Faz gols espetaculares com a perna esquerda. Firmou-se no Besiktas depois de várias transferências. Teve passagens pelo Porto, União Leiria, Werder Bremen e Boavista.

Hélder Postiga (Lazio), 31 anos, 67 jogos. Centroavante, forte no ar, mas perde muitos gols. Ainda assim, foi o vice-artilheiro das eliminatórias da Copa do Mundo com seis gols e tem média de um a cada dois jogos pela seleção. Disputou as Euros de 2004, 2008 e 2012 e a Copa do Mundo de 2006, mas perdeu a da África do Sul, quatro anos atrás. Juntou-se à Lazio, em janeiro, seu oitavo clube, em seis países diferentes. 

Nani (Manchester United), 27 anos, 73 jogos. Nasceu em Cabo Verde e é um grande driblador e ponta fazedor de gols. Saiu da sombra de Cristiano Ronaldo e tem muita velocidade, um bom cruzamento e um chute de longa distância. No entanto, oscila demais pelo Manchester United. Continua uma figura chave de Portugal. Deve fazer sua primeira partida em Copas do Mundo depois de perder o Mundial da África do Sul por causa de uma lesão no ombro. 

Cristiano Ronaldo (Real Madrid), 29 anos, 110 jogos. Recebeu a Bola de Ouro de melhor jogador do mundo e recentemente abriu um museu para si próprio. O capitão e artilheiro de Portugal será uma das muitas atrações da Copa do Mundo, com suas arrancadas cheia de dribles e finalizações precisas. Quebra recordes atrás de recordes e está no auge da sua carreira. Tem uma combinação espetacular de velocidade e passes rápidos que assombra os adversários, mesmo que uma certa arrogância o impeça de ser unanimidade.

Éder (Braga), 26 anos, 7 jogos. Nasceu em Guinea Bissau e foi para Portugal ainda adolescente. Passou quatro anos no Acadêmica Coimbra antes de se juntar ao Braga, em 2012, mesmo ano em que estreou pela seleção. 

Vieirinha (Wolfsburg), 28 anos, 7 jogos. Defendeu Portugal em todas as categorias de base, mas esperou até o ano passado para jogar uma partida inteira pela seleção e vem jogando regularmente desde então. Cresceu no Porto, passou quatro anos no Paok, da Grécia, antes de ir para a Bundesliga dois anos atrás.

Rafa Silva (Braga), 21 anos, 2 jogos. Acertou com Braga para o começo da temporada 2013/14 e impressionou rapidamente a elite do futebol português com seus dribles e visão de jogo. Jogou sua primeira partida inteira por Portugal em março.

Reportagem de Brian Homewood

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below