Suárez preocupa, mas Uruguai está em melhores condições do que em 2010

quarta-feira, 11 de junho de 2014 19:17 BRT
 

Por Andrew Cawthorne

SETE LAGOAS (Reuters) - Desconsiderando a preocupação com a condição física do atacante Luis Suárez para a Copa do Mundo, o Uruguai encontra-se em melhores condições do que na África do Sul há quatro anos, quando conseguiram chegar às semifinais, disseram os jogadores nesta quarta-feira.

“Sinceramente, acho que estamos melhor. Estamos juntos há praticamente oito anos, passamos por muita coisa”, disse o meia Diego Godin aos jornalistas na base do Uruguai, um resort em Sete Lagoas, próximo a Belo Horizonte.

“Estamos prontos, para o bem e para o mal”, acrescentou o meia de 28 anos que joga no Atlético de Madri, um dos cerca de doze jogadores que permaneceram no time desde que o técnico Óscar Tabárez voltou ao comando em 2006.

O Uruguai estragou a festa ao derrotar os anfitriões na famosa final contra o Brasil no Mundial de 1950, e voltou a surpreender na África do Sul ao ficar em quarto lugar.

Mas a preparação dos uruguaios para vir ao Brasil acabou prejudicada pela lesão de Suárez no joelho esquerdo, sofrida ao final de uma ótima temporada do jogador na primeira divisão inglesa pelo Liverpool.

Suárez treinou leve esta semana em Sete Lagoas, sorrindo e brincando com os companheiros, e disse em um vídeo no Twitter que seu joelho está indo “muito bem”.

A atuação do jogador, no entanto, continua em dúvida, pelo menos para o primeiro jogo do Grupo D contra a Costa Rica, partida em que o Uruguai aposta na vitória para seguir no confronto dos adversários mais fortes da Inglaterra e Itália.

“Luis está bem, ele está em uma boa trajetória (de recuperação)”, acrescentou Godin, ele mesmo em recuperação da decepcionante derrota do Atlético de Madri para o Real Madrid na final da Liga dos Campeões.   Continuação...

 
Jogador uruguaio Luis Suarez posa com uniforme oficial da seleção. 3/6/14. REUTERS/AUF/Divulgação