Grupo guerrilheiro da Colômbia deseja sucesso à seleção do país no Mundial

sexta-feira, 13 de junho de 2014 14:08 BRT
 

BOGOTÁ (Reuters) - A guerrilha das Farc enviou uma mensagem de apoio à seleção colombiana de futebol, que no sábado enfrentará a Grécia em sua estreia na Copa, e fez votos para que obtenha as vitórias que permitam unir e alegrar o coração de todos os habitantes do país.

O esquerdista grupo Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) divulgou nesta sexta-feira uma carta ao técnico da seleção, o argentino José Pekerman, e aos jogadores em sua página da Internet, a www.pazfarc-ep.org.

"Queremos expressar nosso reconhecimento, nosso estímulo e desejo de êxito e glória nos gramados brasileiros", diz a mensagem do grupo guerrilheiro que atualmente mantém em Cuba uma negociação de paz com o governo do presidente colombiano, Juan Manuel Santos.

"Expressamos nossos anseios de que novos triunfos alegrem o coração de cada compatriota. Estaremos com a seleção nos bons e maus momentos, acompanhando-os até o final", acrescentou o grupo rebelde, reiterando que está agindo em favor da paz.

As Farc mantêm desde o final de 2012 uma negociação com o governo de Santos com o objetivo de pôr fim a um conflito interno de cinco décadas, o qual deixou mais de 200.000 mortos e levou milhões de pessoas a abandonar suas casas.

A seleção colombiana de futebol, orientada por Pekerman, retorna ao Mundial depois de 16 anos. Além da Grécia, a equipe enfrentará pelo Grupo C o Japão e a Costa do Marfim.

(Reportagem de Luis Jaime Acosta)

 
Jogadores da seleção colombiana rezam antes de treino em Belo Horizonte. 13/06/2014.  REUTERS/Leonhard Foeger