June 14, 2014 / 5:48 PM / in 3 years

Neymar vai jogar tranquilo apesar do cartão, diz Oscar

3 Min, DE LEITURA

Neymar brinca com Fred durante treino do Brasil neste sábado.Marcelo Regua

TERESÓPOLIS Rio de Janeiro (Reuters) - O cartão amarelo tomado ainda no primeiro tempo da estreia do Brasil na Copa do Mundo contra a Croácia não vai prejudicar Neymar no jogo de terça-feira contra o México, e o atacante vai manter seu estilo de jogo ousado que costuma levar os adversários a serem punidos, disse o colega Oscar neste sábado.

Neymar foi amarelado pelo árbitro após deixar o braço no rosto do croata Modric numa disputa de bola durante a vitória do Brasil por 3 x 1 sobre os croatas, em São Paulo, na quinta-feira, e agora está pendurado.

Se for advertido mais uma vez com um cartão amarelo antes das quartas de final será suspenso por um jogo. A partir das quartas, os cartões serão zerados, de acordo com o regulamento da Fifa.

Diante do papel fundamental que o atacante do Barcelona tem para a seleção brasileira, sua ausência seria certamente muito sentida pela equipe, especialmente em um jogo de mata-mata.

Como o Brasil pode se classificar de forma antecipada para as oitavas de final com uma vitória contra o México e dependendo do resultado do duelo Croácia x Camarões, Oscar foi perguntado em entrevista coletiva neste sábado se Neymar poderia forçar um cartão amarelo contra os mexicanos para cumprir suspensão contra os camaroneses na última rodada do Grupo A.

Segundo Oscar, Neymar não está preocupado com o cartão amarelo.

"O Neymar é um cara que costuma fazer os caras tomar amarelo, dificilmente vai tomar amarelo de novo", afirmou o meio-campista em entrevista coletiva no centro de treinamento da Granja Comary, em Teresópolis (RJ).

"Ele vai jogar de cabeça tranquila porque é um jogador que faz os adversários tomar amarelo e não é de tomar cartão sempre", acrescentou.

Depois da partida contra a Croácia, em que fez dois gols e foi eleito o melhor jogador em campo, Neymar disse que vai continuar jogando "normalmente" e que pensar no cartão amarelo poderia ser pior.

A atuação na estreia na Copa do Mundo confirmou o protagonismo esperado do atacante de 22 anos, que liderou o Brasil na conquista da Copa das Confederações do ano passado e carrega a esperança dos brasileiros no Mundial em casa.

Em seu 50º jogo pela seleção brasileira, ele chegou a 33 gols pelo Brasil no jogo contra a Croácia.

"Ele é um jogador que vai para cima, e a gente faz de tudo para deixar o Neymar mais tranquilo possível porque a gente sabe que em uma jogada ele pode decidir o jogo", disse Oscar, autor do terceiro gol do Brasil contra os croatas e que também foi destaque na partida.

A seleção brasileira viaja no domingo para Fortaleza, onde enfrenta o México na terça-feira. Brasil e México estão empatados com três pontos no Grupo A.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below