Polícia dispersa manifestantes perto do Castelão

terça-feira, 17 de junho de 2014 16:39 BRT
 

FORTALEZA (Reuters) - A polícia utilizou gás lacrimogêneo e canhões de água para dispersar um pequeno grupo de manifestantes contrários à Copa do Mundo, que bloqueava uma via de acesso à Arena Castelão, em Fortaleza, onde o Brasil enfrenta o México pelo Grupo A nesta terça-feira.

Pelo menos 10 pessoas foram presas em uma manifestação após um grupo tentar bloquear a via principal de acesso ao estádio, disse à Reuters o porta-voz da polícia local Fernando Albano.

Alguns manifestantes mascarados jogaram pedras e paus em ônibus com logotipos de da Fifa antes da tropa de choque e um veículo policial terem dispersado a multidão, segundo imagens mostradas na televisão.

Manifestações contra a Copa, principalmente em protesto aos gastos com a preparação do torneio, têm sido menores do que muitos temiam, após as grandes mobilizações durante a Copa das Confederações no ano passado.

O protestos foram registrados em diversas cidade e alguns foram violentos, mas a maioria reuniu apenas algumas centenas de pessoas e acabaram se dispersando.

(Por Alonso Soto)