Espanha arrisca tudo contra um Chile 'suicida' nesta quarta

quarta-feira, 18 de junho de 2014 10:58 BRT
 

Por Patrick Johnston

BRASÍLIA (Reuters) - A atual campeã Espanha vai enfrentar o estilo ofensivo "suicida" do Chile no Maracanã nesta quarta-feira com o objetivo de recuperar sua campanha no Mundial e evitar uma embaraçosa eliminação antecipada.

A Espanha teve sua moral reduzida a trapos após sofrer uma derrota de 5 x 1 para a Holanda na estreia pelo Grupo B na sexta-feira --a pior derrota dos espanhóis em Mundiais desde a goleada de 6 x 1 imposta pelo Brasil na Copa de 1950.

O Chile venceu a Austrália por 3 x 1 em sua estreia graças ao seu estilo ofensivo suicida, como classificou o meia Arturo Vidal, e os sul-americanos podem se classificar para a próxima fase mais cedo se vencerem a Espanha e a Holanda derrotar os australianos também nesta quarta.

"Para eles vai ser uma partida de vida ou morte", disse o atacante chileno Esteban Paredes sobre a Espanha. "E para nós vai ser como uma verdadeira final, porque uma vitória pode significar que estamos praticamente classificados", acrescentou.

Os australianos devem oferecer pouca resistência ao holandeses em Porto Alegre, na partida marcada para as 13h, antes da Espanha tentar repetir seu truque de 2010, quando perdeu a primeira partida mas acabou conquistando o título.

A terceira partida desta quarta será o duelo entre Camarões e Croácia, que tentam se recuperar de derrotas na esteia pelo Grupo A, onde está o Brasil, para manterem-se vivos na competição

 
Goleiro da Espanha Casillas em treino no Maracanã. 17/06/2013 REUTERS/Ricardo Moraes