Balotelli faz a diferença para Itália, mas precisa de foco, diz técnico

quinta-feira, 19 de junho de 2014 19:04 BRT
 

Por Toby Davis

RECIFE (Reuters) - Mario Balotelli é uma arma que pode levar a Itália "até a lua", mas se não se concentrar ele terá que ser trazido de volta à Terra, disse o técnico italiano, Cesare Prandelli, nesta quinta-feira.

O jogar deve, novamente, encabeçar o ataque italiano no jogo contra a Costa Rica em Recife na sexta-feira, e ambos os times brigarão pelo primeiro lugar no Grupo D após terem estreado com vitória na Copa.

Os frequentes desempenhos inexpressivos do atacante do Milan fazem com que ele continue a dividir as opiniões sobre se merece continuar entre os melhores jogadores.

Mesmo assim, mostrou valor na vitória de 2 x 1 sobre a Inglaterra na semana passada ao reverter um desempenho apagado em um gol que decidiu a partida.

"Se olharmos para os últimos quatro anos, há vezes em que ele foi nossa arma, o homem que nos levaria à lua, e, dois meses depois, ele já não era mais o mesmo jogador", disse Prandelli em uma coletiva de imprensa, com Balotelli ao seu lado.

"O que é importante é que se concentre. Se ele conseguir fazer isso por 90 minutos, então ótimo, se não teremos outra pessoa para substituí-lo."

"Ele pode ser decisivo e importante, mas ele precisa dar 100 por cento", completou.

A ironia foi que, enquanto Prandelli colocava seus argumentos, Balotelli parecia distraído e seus olhos estavam dirigidos para outro lugar.   Continuação...

 
Atacante italiano Balotelli sorri durante entrevista em Recife.     REUTERS/Brian Snyder