DESCE-Nem confiança "cega" de Felipão resiste a atuação apagada de Paulinho

segunda-feira, 23 de junho de 2014 19:39 BRT
 

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) - Paulinho entrou em campo com moral contra Camarões nesta segunda-feira depois que o técnico Luiz Felipe Scolari declarar "confiar cegamente" no jogador do Tottenham. Ainda assim, após 45 minutos de atuação apagada, a paciência do treinador parece ter se esgotado.

Paulinho foi uma figura opaca em um meio-campo sem inspiração no primeiro tempo da vitória por 4 x 1 sobre Camarões no estádio Mané Garrincha, em que sobrou para os zagueiros Thiago Silva e David Luiz a armação das jogadas, se é que bolas esticadas da defesa para o ataque podem ser chamadas de armação de jogadas.

Mesmo com a vitória parcial no primeiro tempo, a confiança cega de Felipão em Paulinho passou a enxergar e Fernandinho entrou no lugar do volante do Tottenham.

O resultado veio logo aos 4 minutos, quando Fernandinho participou da jogada do terceiro gol do Brasil, marcado por Fred. O meio-campo brasileiro passou a municiar o ataque brasileiro e o volume de jogo da equipe aumentou com a troca.

De quebra, Fernandinho complicou as esperanças de Paulinho voltar ao time aos 39 minutos, quando fez o quarto da seleção e consolidou o sucesso da substituição de Felipão.

Felipão tem se mantido fiel à equipe titular que venceu a Copa das Confederações há cerca de um ano, quando Paulinho foi um dos motores e destaques da equipe.

Agora, diante do Chile em partida de vida ou morte pelas oitavas de final do Mundial, o treinador terá de resolver se mantém a lealdade aos 11 que conquistaram o torneio preparatório para o Mundial, depois da temporada recheada de problemas de Paulinho na Inglaterra e das fracas atuações dele na Copa até aqui, ou se efetiva Fernandinho, um dos últimos a ganhar vaga entre os 23 de Felipão, entre os titulares.

 
Cameroon's Allan Nyom (R) and Brazil's Paulinho (L) fight for the ball during their 2014 World Cup Group A soccer match at the Brasilia national stadium in Brasilia June 23, 2014. REUTERS/Michael Dalder (BRAZIL - Tags: SOCCER SPORT WORLD CUP)