Uruguai vence Itália por 1 x 0 e avança às oitavas de final

terça-feira, 24 de junho de 2014 15:46 BRT
 

NATAL (Reuters) - O capitão uruguaio Diego Godín marcou aos 36 minutos do segundo tempo e garantiu a vitória de 1 x 0 sobre a Itália no Grupo D da Copa do Mundo em uma dramática partida na Arena das Dunas, em Natal, nesta terça-feira, classificando os sul-americanos para as oitavas de final e eliminando os italianos da competição.

Jogadores italianos ainda estavam reclamando da arbitragem após uma aparente mordida de Suárez no rival Giorgio Chiellini pouco antes de Godín ter subido na área e escorado para o gol de cabeça.

A partida ganhou vida pouco antes dos 15 minutos do segundo tempo, quando o italiano Claudio Marchisio recebeu cartão vermelho por uma entrada desleal sobre Egidio Arevalo Rios.

Antes disso, parecia que a Itália conseguiria sufocar a atuação de Suárez e do ataque uruguaio e garantir o ponto necessário para avançar na competição junto à Costa Rica.

Aos 36 minutos do segundo tempo, no entanto, Godín pulou em meio a diversos jogadores na grande área italiana e conseguiu colocar a bola na rede, e dando aos uruguaio a liderança da partida.

A Itália, desfalcada com menos jogadores, partiu para cima para reverter a situação, mas o tiro direto de Andrea Pirlo aos 40 minutos foi a melhor chance dos europeus, mas o chute esbarrou no goleiro Fernando Muslera.

O técnico italiano Cesare Prandelli deixou claras suas intenções ao começar com uma formação conservadora de 3-5-2 e, durante grande parte do jogo, o time conseguiu segurar os uruguaios.

No mesmo grupo, a Costa Rica terminou em primeiro lugar do grupo após empatar em 0 x 0 com a Inglaterra.

 
Diego Godín comemora gol que marcou na vitória contra a Itália na Arena das Dunas, em Natal. 24/6/2014. REUTERS/Toru Hanai