Costa Rica se diz pronta para enfrentar mais gigantes do futebol

terça-feira, 24 de junho de 2014 19:17 BRT
 

Por Andrew Cawthorne

BELO HORIZONTE (Reuters) - Desafiando seu status de zebra da Copa do Mundo e terminando a fase de grupos em primeiro lugar de sua chave, a radiante Costa Rica está pronta para fazer tudo de novo quando entrar em sua segunda partipação em oitavas de final da história do torneio.

"Demos à Costa Rica status no mundo do futebol. Ninguém pode dizer que foi por acaso, sorte ou apenas alguns bons momentos", disse o técnico Jorge Luis Pinto após o empate de 0 x 0 contra a Inglaterra nesta terça-feira, que sucedeu duas marcantes vitórias contra Uruguai e Itália.

"Mas foi um grupo muito complicado de equipes com bastante experiência. Mas viemos para lutar e competir, e fizemos isso. Fomos muito constantes. Espero que possamos continuar assim. Daremos tudo de nós independentemente de quem enfrentarmos depois."

Os líderes do Grupo D, cuja última participação na segunda rodada da Copa foi em 1990, agora enfrentará o segundo colocado do Grupo C.

O técnico também ficou extasiado com os milhares de torcedores da Costa Rica que celebraram o empate e cantaram no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

"Estou tão feliz pela Costa Rica. Sei do amor que eles têm pelo futebol", disse o técnico nascido na Colômbia. "Que eles possam continuar a curtir isso! Eu amei os três jogos. Jogamos um futebol certo e dinâmico. Fomos imbatíveis, isso é histórico".

--

 
Técnico da Costa Rica, Jorge Luis Pinto, durante partida contra a Inglaterra em Belo Horizonte. 24/06/2014. REUTERS/Leonhard Foeger