Kompany, capitão da Bélgica, vai desfalcar seleção contra Coreia do Sul

quinta-feira, 26 de junho de 2014 09:52 BRT
 

Por Andrew Downie

SÃO PAULO (Reuters) - A Bélgica vai começar seu último jogo pelo Grupo H, contra a Coreia do Sul, sem Vincent Kompany e Thomas Vermaelen, os quais desfalcam o time por conta de lesões, disse o técnico Marc Wilmots nesta quarta-feira.

“Tudo correu bem no último mês, mas temos duas lesões menores”, disse Wilmots a jornalistas na Arena Corinthians. “Elas não são muito sérias, mas queremos mantê-los prontos e eles não jogarão contra a Coreia do Sul”.

Já se esperava que Vermaelen ficasse de fora da partida, após ter sido substituído no jogo contra a Rússia, vencido por 1 x 0. No entanto, o capitão da equipe, Kompany, viu uma antiga contusão na virilha voltar.

“Trata-se de uma lesão na virilha, ele parou de treinar após 35 minutos e acho que foi o excesso de exercício”, afirmou Wilmots.

“Ainda é cedo para dizer. Não acho que seja sério, mas vamos esperar até amanhã. Não vamos ter pressa, temos quatro ou cinco dias e seguiremos nosso programa. Temos dois médicos que olharão isso e vamos analisar com calma.”

A Bélgica já está classificada para as oitavas de final e precisa de um ponto para garantir o primeiro lugar do grupo.

A seleção belga tem uma série de jogadores que atuam em grandes clubes europeus. Eles impressionaram nas eliminatórias, ficando em primeiro do grupo, invictos, com um recorde de oito vitórias e dois empates.

Mas, apesar de terem duas vitórias em dois jogos até agora, eles têm sofrido e precisaram de gols no final das partidas contra Rússia e Argélia. Estrelas como Eden Hazard e Romelu Lukaku ainda não conseguiram reproduzir seus desempenhos em seus clubes.

 
Jogador da Bélgica Vincent Kompany gesticula durante partida contra Rússia pelo Grupo H da Copa do Mundo, no Maracanã. 22/06/2014. REUTERS/Tony Gentile