Fernandinho ganha vaga em treino para jogo com Chile; David Luiz abandona atividade

quinta-feira, 26 de junho de 2014 15:23 BRT
 

Por Pedro Fonseca

TERESÓPOLIS Rio de Janeiro (Reuters) - Fernandinho ganhou a vaga de Paulinho no meio-campo titular da seleção brasileira, nesta quinta-feira, no primeiro treino de preparação da equipe para a partida contra o Chile, no sábado, pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

O zagueiro David Luiz abandonou antes do fim o treino coletivo realizado no centro de treinamento da Granja Comary, em Teresópolis (RJ), antes da viagem da equipe para Belo Horizonte, local da partida, e foi substituído por Dante na equipe titular.

David Luiz terminou a partida em que o Brasil venceu Camarões por 4 x 1, na segunda-feira, se queixando de dores no pé e não participou da corrida em volta do campo feita pelos titulares na quarta-feira na Granja.

A entrada de Fernandinho foi a única novidade no time titular do técnico Luiz Felipe Scolari no treino desta quinta em relação à equipe que começou a Copa do Mundo. O técnico, no entanto, fez outras alterações no decorrer da atividade: Maicon no lugar de Daniel Alves e Ramires na vaga de Hulk, além da troca forçada de David Luiz.

Fernandinho entrou na vaga de Paulinho no intervalo da vitória por 4 x 1 sobre Camarões, em Brasília, na segunda-feira, e foi um dos destaques da equipe. Além de ter cumprido bem o papel defensivo como segundo volante, o jogador do Manchester City contribuiu na armação de jogadas de ataque, algo que Paulinho não vinha fazendo nesta Copa do Mundo.

Saiu dos pés de Fernandinho o passe que resultou no gol de Fred, após cruzamento de David Luiz, e ele ainda foi o autor do gol que fechou a goleada brasileira.

Após a partida, Felipão afirmou que a entrada de Fernandinho foi "providencial".

No coletivo desta quinta, que terminou empatado em 2 x 2, Fernandinho voltou a aparecer bem nas duas metades do campo e permaneceu até o fim entre os titulares.   Continuação...

 
Fernandinho comemora gol marcado contra Camarões em Brasília. 23/06/2014. REUTERS/Dominic Ebenbichler