Governo do Uruguai realizará reunião sobre suspensão de Suárez

quinta-feira, 26 de junho de 2014 16:52 BRT
 

MONTEVIDÉU (Reuters) - O presidente do Uruguai, José Mujica, realizará uma reunião nesta quinta-feira para discutir as "opções" do país após a suspensão imposta pela Fifa ao atacante Luis Suárez, informou a imprensa local.

Mujica vai se reunir com a ministra de Turismo e Esporte, Liliam Kechichian, sobre a punição, considerada "excessiva" por eles, informou o canal de TV Subrayado.

Não foi possível contatar imediatamente o governo uruguaio.

Mujica, de 79 anos, defendeu o atacante do Liverpool assim como furiosos uruguaios que consideraram a decisão da Fifa exagerada, hipócrita e até mesmo parcial.

Mujica falou com o técnico do Uruguai, Oscar Tabárez, nesta quinta-feira para expressar sua "solidariedade" a Suárez, relatou a Subrayado.

A Fifa decidiu mais cedo nesta quinta-feira que Suárez não pode jogar nas próximas nove partidas competitivas do Uruguai, e o suspendeu de todas as atividades relacionadas ao futebol por quatro meses.

Com a punição, ele ficará de fora das oitavas de final contra a Colômbia, no Rio de Janeiro, sábado, e também estará ausente do torneio no Brasil se o Uruguai se classificar.

(Por Malena Castaldi e Irene Schreiber)

((Tradução Redação Rio de Janeiro 55 21 22237149)) REUTERS SPA ES

 
Presidente do Uruguai, José Mujica, acena para a imprensa em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. 15/06/2014. REUTERS/Enrique Castro-Mendivil