Alemanha precisa de prorrogação para vencer Argélia por 2 x 1

segunda-feira, 30 de junho de 2014 20:05 BRT
 

PORTO ALEGRE (Reuters) - A Alemanha foi pressionada até o fim por uma inspirada seleção da Argélia nesta segunda-feira, antes de Andre Schuerrle e Mesut Ozil garantirem a vitória na prorrogação por 2 x 1, colocando os europeus nas quartas de final para enfrentar a França.

Os africanos jogaram com energia e confiança para regularmente conseguir expor a defesa alemã, e Islam Slimani conseguiu balançar a rede ainda no tempo regulamentar, embora o gol tenha sido anulado por impedimento.

Mas o goleiro Rais Mbolhi brilhou durante a partida, salvando importantes bolas de Toni Kroos, Mario Goetze e Thomas Mueller, mantendo a partida sem gols até a prorrogação.

O gol veio 90 segundos depois do começo da prorrogação, quando o substituto Schuerrle arrematou um cruzamento rasteiro de Mueller.

Ozil marcou no segundo tempo da prorrogação e, embora Abdelmoumene Djabou tenha reduzido a diferença bem no final da partida, a Alemanha conseguiu manter seu notável recorde de chegar pelo menos às quartas de final em todas as Copas que disputou desde 1938.

 
Jogador da Alemanha Mesut Ozil (esquerda) faz gol contra Argélia no Estádio do Beira-Rio, em Porto Alegre. 30/6/2014 REUTERS/Leonhard Foeger