Argentina deve "aproveitar" que sorte está a seu lado, diz Messi

terça-feira, 1 de julho de 2014 18:27 BRT
 

Por Marcelo Androetto

SÃO PAULO (Reuters) - O astro argentino Lionel Messi disse após a difícil vitória sobre a Suíça por 1 x 0 nesta terça-feira que a Copa é "para ser sofrida" e que a seleção da Argentina deve "aproveitar" que a sorte está a seu lado para seguir avançando no caminho para terminar com três décadas de frustração.

O jogador do Barcelona foi escolhido pela Fifa como o melhor jogador da partida. Messi ganhou esse prêmio em todas os jogos que sua seleção disputou neste Mundial.

Apesar de não ter marcado contra os suíços, como fez nas demais partidas, ele foi o artífice do gol de Ángel Di María, para quem deu um passe depois de uma jogada individual quando faltavam dois minutos para o fim da prorrogação.

"Não sei se esse prêmio foi merecido ou não. O importante é que passamos de fase, que é o que queríamos a todo custo. Não há jogos fáceis, se viu isto em todo o Mundial", disse Messi.

"Como vivi a partida? Imagino que da mesma forma que todos os argentinos. Às vezes com nervosismo, porque não conseguiamos fazer um gol e qualquer erro nos deixava de fora do Mundial. Não queriamos ir para os pênaltis", afirmou.

Messi disse que quando pegou a bola pouco depois da metade do campo e perto do final da prorrogação pensou em fazer uma jogada individual --dessas que está acostumado a fazer no Barcelona-- mas então pôde ver Di María bem posicionado e decidiu fazer o passe.

Após o gol argentino, a Suíça teve uma chance clara de empatar quando um cabeceio de Blerim Dzemali bateu na trave direita do gol defendido por Sergio Romero.

"A sorte está do nosso lado, temos que aproveitá-la e seguir", disse Messi. "Sabemos que todas as partidas serão muito iguais e que serão ganhas nos detalhes. É uma Copa em que não há adversário fácil."

 
Jogador argentino Lionel Messi durante partida contra Suíça, depois de defesa de goleiro Diego Benaglio na Arena Corinthians, em São Paulo.  1/7/2014. REUTERS/Ivan Alvarado