Jogadores gregos são recebidos como heróis em casa

terça-feira, 1 de julho de 2014 20:54 BRT
 

Por Graham Wood

ATENAS (Reuters) - Os jogadores da Grécia foram recebidos como heróis ao desembarcar em Atenas nesta terça-feira, após alcançarem as oitavas de final da Copa do Mundo pela primeira vez na história.

Mais de 200 torcedores receberam os jogadores no aeroporto Eleftherios Venizelos em uma recepção espontânea, gritando e abraçando os jogadores enquanto atravessavam o salão de desembarque.

Os gregos perderam nos pênaltis para uma Costa Rica com 10 homens na partida pelas oitavas de final, disputada em Recife no domingo, após o jogo no qual perderam várias chances de marcar e que terminou a prorrogação em 1 x 1.

“Agradecemos a todas as pessoas que vieram aqui e a todos os gregos”, disse o meia Kostas Katsouranis aos jornalistas.

“Infelizmente, não conseguimos dar a eles um pouco mais de alegria por mais tempo. Estamos orgulhosos e agradecemos aos torcedores que reconhecem isso”, acrescentou. 

Fanis Gekas, cuja cobrança de pênalti foi defendida pelo goleiro da Costa Rica Keylor Navas, eliminando a Grécia, agradeceu aos torcedores.

“Para mim isso significa muito, esse amor é a melhor recompensa para nós”, disse ele.

Embora  a Federação Helênica de Futebol ou o governo não tenham organizado nenhuma recepção oficial, o Estado foi representado pelo ministro do Esporte, Giannis Adrianos, que prometeu levar adiante o desejo da equipe de converter seus bônus pela participação no Mundial na construção de um novo centro de treinamento.

“Eu quero dizer um grande obrigado do fundo do meu coração, como todos os gregos. Também, é a obrigação do Estado lidar com a questão do centro de treinamento, o interesse do Primeiro Ministro foi expressado e vamos começar a planejar”, disse o ministro.