3 de Julho de 2014 / às 11:54 / 3 anos atrás

Barcelona e Liverpool conduzem 'produtivas' negociações sobre Suárez

Jogador do Liverpool Luis Suárez comemora gol marcado por seu companheiro de equipe Stirling durante partida contra o Southampton pelo Campeonato Inglês, no estádio St. Mary, em Southampton. 1/03/2014. REUTERS/Andrew Winning

(Reuters) - Barcelona e Liverpool conduziram ‘produtivas’ negociações em Londres na quarta-feira sobre a possível transferência do atacante uruguaio Luis Suárez, mas nenhum acordo chegou a ser fechado, noticiou a mídia britânica.

O Barcelona parece liderar a corrida entre clubes cotados para ficar com o jogador de 27 anos, que foi expulso da Copa do Mundo, recebeu uma suspensão de nove partidas de competição pela seleção uruguaia e foi banido por quatro meses de qualquer atividade relacionada ao futebol por ter mordido o zagueiro italiano Giorgio Chiellini.

Um fonte do Liverpool disse que as negociações de quarta-feira foram produtivas e iriam continuar, segundo noticiado pela rede britânica BBC.

“Existem expectativas sensíveis em ambos os lados. Negociações e discussões futuras vão ser realizadas, mas nenhum acordo foi finalizado ainda”, disse a fonte. A TV Sky Sports veiculou notícias semelhantes sobre o desenrolar da negociação.

A reunião entre os executivos do clube inglês e uma delegação liderada pelo diretor de futebol do Barcelona, Raul Sanllehi, estava marcada para discutir o futuro do artilheiro do último Campeonato Inglês.

Para tirar Suárez do Liverpool o clube espanhol precisaria pagar a rescisão de contrato do jogador, que estaria entre 70 e 80 milhões de libras (de 118 a 134 milhões de dólares), ou possivelmente oferecer uma troca com algum jogador mais um bônus em dinheiro.

Caso o clube inglês escolha a segunda opção, o atacante chileno do Barcelona Alexis Sánchez --que o Liverpool tentou trazer no passado-- parece ser o preferido para substituir Suárez.

Após inicialmente negar a mordida em Chiellini durante a vitória por 1 x 0 do Uruguai em Natal no dia 24 de junho, Suárez divulgou na segunda-feira um comunicado cuidadosamente redigido, no qual admite a agressão e promete não repeti-la.

O diretor esportivo do Barcelona, Andoni Zubizarreta, alimentou na terça-feira os rumores sobre uma possível mudança de Suárez para o clube catalão, ao elogiar o jogador por sua ‘humildade’ ao admitir o erro.

Texto de Sudipto Ganguly e Alan Baldwin

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below