Messi busca recuperar poder goleador para superar goleiro belga

quinta-feira, 3 de julho de 2014 18:34 BRT
 

Por Iain Rogers

BRASÍLIA (Reuters) - A partida da Argentina nas quartas de final da Copa do Mundo contra a Bélgica, no sábado, provavelmente se decidirá entre o conhecido duelo de seu capitão Lionel Messi e o goleiro rival Thibaut Courtois.

O atacante do Barcelona, cujos quatro gols e uma assistência na Copa do Mundo levaram os sul-americanos para as quartas de final, já enfrentou o goleiro Courtois 10 vezes em três temporadas desde que o alto goleiro de 22 anos passou a atuar pelo Atlético de Madri, vindo do Chelsea, em 2011.

Courtois tem tido atuações mais consistentes do que espetaculares pela seleção belga, realizando 11 defesas na partida da Bélgica contra os Estados Unidos, frente a 29 do norte-americano Tim Howard, embora tenha mostrado uma brilhante defesa para evitar o gol de Clint Dempsey nos últimos minutos de jogo pelas oitavas de final.

Messi teve um rendimento sólido nas primeiras partidas em que encontrou Courtois na Espanha, marcando seis gols nos primeiros três encontros, incluindo três em apenas uma partida no primeiro confronto entre ambos em setembro de 2011.

No terceiro gol de Messi nessa partida, o argentino deixou o belga sentado após fazer a bola passar por entre suas pernas.

Depois de uma última temporada fraca para os altos padrões de Messi, o argentino parece voltar à sua brilhante forma no Brasil.

O atacante de 27 anos é o favorito nas casas de aposta para ganhar a Bola de Ouro e também a Chuteira de Ouro, como artilheiro do campeonato.

 
Messi participa de treino em Belo Horizonte na quarta-feira.  REUTERS/Ivan Alvarado