Goleiro Krul entra só para defender pênaltis e põe Holanda na semi

sábado, 5 de julho de 2014 20:10 BRT
 

SALVADOR (Reuters) - A Holanda se classificou para enfrentar a Argentina na semifinal da Copa do Mundo neste sábado ao derrotar a Costa Rica nos pênaltis depois que uma truncada e tática partida pelas quartas de final terminou em 0 x 0 após a prorrogação.

O goleiro Tim Krul, que saiu do banco de reservas no fim do tempo extra apenas para participar da cobrança de pênaltis, defendeu os chutes de Bryan Ruiz e Michael Umana e a Holanda venceu nas penalidades por 4 x 3.

A Costa Rica se defendeu desde o princípio e o goleiro Keylor Navas, cujo desempenho foi fundamental no caminho de seu país até as quartas de final pela primeira vez na história, estava novamente em forma com uma série de defesas, enquanto Wesley Sneijder acertou a trave em cobrança de falta aos 36 minutos da segunda etapa e Robin Van Persie teve uma tentativa afastada praticamente em cima da linha nos acréscimos.

O jogo ficou aberto na prorrogação e Marcos Urena teve uma chance de classificar a Costa Rica, mas teve seu disparo bem defendido por Jasper Cillessen, enquanto Sneijder voltou a acertar a trave a dois minutos do fim.

(Reportagem de Mitch Phillips)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447759)) REUTERS ES

 
Goleiro Tim Krul, da Holanda, comemora defesa de pênalti contra a Costa Rica em Salvador. 05/07/2014. REUTERS/Michael Dalder