Futebol chorou por Neymar, diz técnico da Argentina

sábado, 5 de julho de 2014 21:51 BRT
 

Por Brian Homewood

BRASÍLIA (Reuters) - O técnico da Argentina, Alejandro Sabella, ignorou a rivalidade amarga de seu país com o Brasil e disse que “o futebol derramou uma lágrima” depois que Neymar saiu lesionado da Copa do Mundo.

Neymar, que ajudou o Brasil a chegar à semifinal, teve uma vértebra fraturada na vitória de 2 x 1 sobre a Colômbia na sexta-feira e perderá o resto do torneio.

“Quando jogava, eu era um camisa 10 habilidoso... então gosto de ver futebol bem jogado, e fico encantado com grandes jogadores, por isso, quando um time perde um jogador de tamanhas qualidades, é como se o futebol derramasse uma lágrima”, declarou Sabella na coletiva de imprensa depois de conquistar uma vitória de 1 x 0 sobre a Bélgica e garantir uma vaga na semifinal.

“Sinto-me triste, não só como técnico, mas como espectador”, acrescentou.

“A pior coisa que pode acontecer com um jogador é se machucar, especialmente em um momento crucial da Copa com o qual sonha, e para o qual se prepara, há tanto tempo.”

“Por isso entendo bem a amargura e a frustração que ele deve estar sentindo.”

“Gostaria de mandar um abraço e dizer que estou com ele neste momento difícil.”

 
Técnico da Argentina, Alejandro Sabella, durante entrevista coletiva em Brasília. 05/07/2014. REUTERS/David Gray