Olimpíadas do Rio entrarão em destaque após final da Copa do Mundo

sexta-feira, 11 de julho de 2014 18:58 BRT
 

By Karolos Grohmann

RIO DE JANEIRO (Reuters) - As Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro passam a ser o centro das atenções nesta semana, com o Comitê Olímpico Internacional (COI) na cidade para monitorar o progresso dos preparativos e a Copa do Mundo encerrando sua festa.

As Olimpíadas são o segundo evento esportivo global que o Brasil se comprometeu a sediar e, em seguida ao fim do maior evento dedicado a um único esporte do mundo, o Rio embarca na fase final para entregar um projeto assolado por problemas.

Chamada em abril pelo vice-presidente do COI, John Coates, a pior preparação de todos os tempos, os organizadores do Rio estão acuados desde o início, tentando correr atrás de prazos atrasados.

O presidente do COI, Thomas Bach, reuniu-se com a presidente Dilma Rousseff em Brasília nesta sexta-feira antes de retornar ao Rio para marcar presença na final da Copa do Mundo.

“Estamos vendo ótimos progressos e apreciamos o comprometimento da presidente e do governo brasileiro com os Jogos”, disse Bach a jornalistas. “Acreditamos que eles vão ser muito bem-sucedidos.”

O advogado alemão assumir o controle do COI após vencer a eleição em setembro, e tem tentado implantar um senso de urgência nos organizadores desde então.

O Brasil teve que enfrentar anos seguidos de críticas durante os preparativos para a Copa do Mundo, e os atrasos em projetos de infraestrutura e estádios levaram a Fifa a dizer que os brasileiros precisavam de “um chute no traseiro”.

Os temores de grandes manifestações e graves problemas de segurança e transporte não se concretizaram durante o torneio de um mês, avaliado em geral como um sucesso, e o COI espera que os organizadores das Olimpíadas tirem valiosos aprendizados.   Continuação...