11 de Julho de 2014 / às 22:29 / em 3 anos

Jogadores alemães concordaram em evitar humilhação maior contra Brasil

Goleiro brasileiro Júlio Cesar no chão após tomar gol de Andre Schuerrle (direita) em partida Brasil x Alemanha, no Mineirão, em Belo Horizonte. 8/7/2014 REUTERS/Kai Pfaffenbach

SANTO ANDRÉ Bahia (Reuters) - Os jogadores alemães concordaram no intervalo da partida que terminou em 7 x 1 contra o Brasil em tirar o pé para evitar uma humilhação ainda maior dos anfitriões, disse o atacante Thomas Mueller nesta sexta-feira.

A Alemanha vencia por 5 x 0 já no primeiro tempo da partida disputada na terça-feira em Belo Horizonte, e Mueller disse que os jogadores, e não a comissão técnica, decidiram não aumentar ainda mais a agonia brasileira no segundo tempo.

“Com o placar como estava, nós dissemos que deveríamos evitar ser arrogantes e nos conter de humilhar o adversário”, disse ele, acrescentando que todos pediram para que se evitassem passes elaborados ou chutes mais sofisticados ao gol “ou qualquer coisa sem sentido como essas.”

“Mas isso é algo óbvio”, disse ele. “Sim, houve um acordo e partiu dos próprios jogadores.”

O reserva Andre Schuerrle marcou duas vezes no segundo tempo.

Reportagem de Erik Kirschbaum

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below