12 de Julho de 2014 / às 23:59 / em 3 anos

Messi está pronto para se juntar a Maradona no panteão do futebol

Lionel Messi durante treino da Argentina no Rio de Janeiro. 12/07/2014Michael Dalder

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Diego Maradona e Lionel Messi são dois grandes jogadores argentinos com personalidades muito diferentes, mas Leo se tornou Diego por um breve momento ao marcar o gol contra a Bósnia na estreia da seleção argentina na Copa do Mundo.

Normalmente introvertido, Messi comemorou o gol, seu primeiro em uma Copa do Mundo depois de oito anos, com um grito vibrante, remetendo à paixão inflamada que transformou Maradona no principal ídolo dos argentinos.

Enquanto Maradona chamava atenção por sua conduta dentro e fora dos campos, Messi é um personagem tímido em sua vida privada, que brilha só no campo e prefere manter um perfil discreto fora dele, aparecendo o mínimo possível na mídia.

Maradona ainda desfruta da glória de ter liderado a Argentina à segunda vitória em Copas do Mundo, há quase 30 anos, enquanto Messi sonha em levar a seleção ao terceiro título mundial no domingo.

Se Messi conseguir, se tornará um dos maiores jogadores de todos os tempos, ao lado de Dieguito.

Messi sempre tentou evitar as comparações com Maradona, embora essa pareça uma tarefa impossível. 

"Eu não quero vencer a Copa do Mundo para que as pessoas digam que sou melhor que Pelé ou Maradona. Eu só quero alcançar isso com meus companheiros de seleção. Alguns jogadores do Barcelona venceram a Copa do Mundo, e eu quero saber como é isso também", disse Messi em uma entrevista à ESPN recentemente.

BAIRRO POBRE

A carreira de Messi, e sua vida, não poderiam ser mais diferentes que as de Maradona, que cresceu em um bairro pobre de Buenos Aires. 

Ele chamou a atenção pela primeira vez aos 10 anos quando disse em um programa de televisão: "Eu tenho dois sonhos. Primeiro jogar uma Copa do Mundo, e depois vencer uma Copa do Mundo". 

Messi foi criticado em casa por sua mudança para a Espanha aos 11 anos para ingressar no sistema de academia do Barcelona, e seu comprometimento com a seleção nacional sempre foi questionado. 

Em 1986 Maradona levou a Argentina ao título mundial no México e a partir daquele momento sua personalidade explosiva apareceu e suas apresentações brilhantes no campo foram ofuscadas por escândalos fora dele. 

Ele lutou por anos contra as drogas e se envolveu em escândalos de paternidade e disputas contra a Fifa. Um de seus incidentes mais polêmicos foi o episódio em que atirou contra jornalistas nos arredores de Buenos Aires. 

Na última década, ele se tornou amigo do falecido presidente venezuelano Hugo Chávez e do líder cubano Fidel Castro, entre outras figuras políticas de esquerda.

Messi brilhou na Espanha, mas sempre teve dificuldades de repetir o desempenho em suas partidas pela Argentina.

Já foi escolhido por quatro vezes melhor jogador do mundo, mas nunca ganhou sequer um título importante defendendo as cores de seu país. Sua medalha olímpica nunca foi muito reconhecida pelos argentinos.

Há quatro anos, na África do Sul, Messi e Maradona estiveram juntos, quando o ex-jogador era o treinador da equipe que chegou às quartas de final em um torneio decepcionante para Messi, que não conseguiu marcar nenhum gol em cinco partidas.

"Messi é o melhor jogador do mundo", disse Maradona na época, frase que ele já repetiu diversas vezes desde então. Na última sexta-feira ele deu a seu compatriota ainda mais um elogio e incentivo. 

"Messi marcará duas vezes no domingo e vencerá a Copa do Mundo", disse Maradona em seu programa de televisão. 

"Se ele quiser me passar, eu irei preparar o tapete vermelho. O time com o melhor jogador vencerá amanhã, e nós temos ele".

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

REUTERS PF 

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below