Federação alemã diz que dança "gaúcha" de jogadores não foi desrespeitosa

quarta-feira, 16 de julho de 2014 18:16 BRT
 

BERLIM (Reuters) - O chefe da Associação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão) afirmou nesta quarta-feira que a comemoração dos jogadores da Alemanha pela conquista da Copa do Mundo com uma dança ironizando os argentinos não pretendia ser desrespeitosa com os adversários da final no Maracanã.

Durante as celebrações diante dos torcedores em Berlim na terça-feira, um grupo de jogadores se agachou e cantou “É assim que os gaúchos andam, os gaúchos andam assim”, e depois saltaram gritando “É assim que os alemães andam, os alemães andam assim!”.

A brincadeira gerou pouca comoção na Argentina, mas o diário esportivo Olé disse: "A dança gaúcha dos alemães... causou desconforto no país”.

Parte da mídia alemã também criticou a dança. O jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung disse ser uma “sátira maldosa” com a qual os jogadores danificaram a imagem da Alemanha como país tolerante.

O jornal Tagesspiegel afirmou ser "de mau gosto" e o Tageszeitung disse que a dança foi "desrespeitosa".

Wolfgang Niersbach, presidente da DFB, disse que a dança “não pretendeu ser desrespeitosa”, acrescentando que foi uma expressão “espontânea” da alegria dos jogadores.

“Eles são esportistas absolutamente decentes e justos que não debocham de ninguém, só queriam comemorar intensamente com os torcedores”, afirmou o dirigente em comunicado no site da entidade.

O dirigente se desculpou e disse que irá escrever uma carta ao presidente da Associação de Futebol Argentino, Julio Grondona, para deixar claro que a brincadeira não teve a intenção de faltar com o respeito

(Por Michelle Martin; Reportagem adicional de Richard Lough, em Buenos Aires)

 
Jogadores da Alemanha durante a comemoração pela conquista do título mundial, em Berlim. 15/07/2014  REUTERSAlex Grimm/Pool