Brasil quer conquistar ao menos 27 medalhas nos Jogos do Rio e mira judô e vôlei

quarta-feira, 23 de julho de 2014 12:40 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Comitê Olímpico Brasileiro estabeleceu a meta ambiciosa para o Brasil nos Jogos Olímpicos de 2016 de conquistar ao menos 27 medalhas para ficar entre os dez primeiros colocados no total de pódios, segundo plano apresentado nesta quarta-feira pelo diretor-executivo de Esportes do COB, Marcus Vinícius Freire.

O Brasil conquistou o recorde de 17 medalhas nos últimos Jogos, em Londres em 2012, duas a mais que em Pequim em 2008. Apesar disso, o Brasil não conseguiu igualar na capital britânica o recorde de cinco medalhas de ouro, obtido em Atenas-2004, e ainda disputou menos finais do que na China, em 2008, 35 contra 41.

"Vamos brigar com Cuba, Itália, Ucrânia para ficar dentro do top ten. Nas últimas cinco Olimpíadas não houve mudança nos primeiros lugares", disse Freire a jornalistas nesta quarta-feira na sede do COB, no Rio de Janeiro.

"Queremos passar de 17 para 27 a 28 medalhas e essa é uma meta agressiva para chegar lá ", afirmou.

A aposta do COB é nos esportes em que o Brasil já tem tradição olímpica, como judô e vôlei.

A estimativa é que nessas modalidades o país possa ganhar cinco medalhas em 2016, e o COB avalia que o país tem potencial para conquistar pódios em 10 modalidades.

A entidade também trabalha com a conquista de duas medalhas no futebol --masculino e feminino-- e espera levar medalhas no iatismo, esporte em que o país tem tradição olímpica.

Em Londres, o Brasil ficou em 15o lugar no ranking de número de medalhas, mas quando contabilizadas as medalhas de ouro, o país cai para a 22a posição. Esse costuma ser o critério mais usado no ranking dos Jogos, mas o COB usou na apresentação desta quarta-feira o critério de número de medalhas, independente da cor.

Freire disse que o trio formado por China, Estados Unidos e Rússia representa um grupo de inalcançáveis, mas afirmou que, após os Jogos do Rio, o Brasil tem um projeto para entrar no seleto grupo de países que conquistam mais de 30 medalhas em Jogos Olímpicos.   Continuação...

 
Trabalhadores em obra dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro. 08/04/2014, REUTERS/Ricardo Moraes