Rosberg se desculpa e recebe punição da Mercedes por acidente com Hamilton

sexta-feira, 29 de agosto de 2014 11:35 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O líder do Mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg, pediu desculpas por ter batido no companheiro de equipe Lewis Hamilton durante o Grande Prêmio da Bélgica de domingo, e recebeu advertência disciplinar da escuderia, informou a equipe Mercedes nesta sexta-feira.

O alemão Rosberg bateu em Hamilton na segunda volta em Spa, o que levou o britânico a abandonar a corrida posteriormente devido a danos no carro e a um pneu furado.

"Todo Wolff, Paddy Loew, Nico Rosberg e Lewis Hamilton reuniram-se hoje na sala de reuniões da sede da Mercedes Amg Petronas, em Brackley, para discutir os eventos do Grande Prêmio da Bélgica", informou a equipe em comunicado.

"Durante a reunião, Nico reconheceu a responsabilidade pelo contato que aconteceu na volta dois do Grande Prêmio da Bélgica e desculpou-se por seu erro de julgamento. Medidas disciplinares cabíveis foram tomadas pelo incidente", acrescentou a escuderia.

"A Mercedes-Benz permanece comprometida com corridas duras e justas, porque essa é a forma correta de se vencer campeonatos mundiais. Isso é bom para a equipe, para a torcida e para a Fórmula 1", disse.

"Lewis e Nico entendem e aceitam a regra número um da equipe: não pode haver contato entre os carros da equipe na pista."

Rosberg foi culpado pela equipe após a corrida por ter causado uma batida que era evitável. Os fiscais da prova não tomaram qualquer medida contra ele, nem a Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

(Reportagem de Josh Reich)

 
Piloto de F1 da Mercedes  Nico Rosberg (E) e o companheiro de equipe Lewis Hamilton em treino do GP da Bélgica em Spa-Francorchamps. 23/8/2014  REUTERS/Yves Herman