Lesões afetam equipe do Arsenal antes de duelo contra o Borussia

segunda-feira, 15 de setembro de 2014 15:56 BRT
 

DORTMUND Alemanha (Reuters) - O técnico do Arsenal, Arsene Wenger, não contará com o lateral direito Mathieu Debuchy por um "longo período" de tempo e está avaliando suas opções defensivas para a estreia da fase de grupos da Liga dos Campeões contra o Borussia Dortmund.

Debuchy sofreu uma lesão de ligamento do tornozelo no empate por 2 x 2 contra o Manchester City no último sábado, e passa por mais exames. A imprensa britânica diz que ele pode ficar fora por três meses.

O atacante Yaya Sanogo também ficou em Londres por conta de um problema com o tendão da perna.

O treinador francês também não terá a presença do lateral esquerdo lesionado Nacho Monreal, enquanto Calum Chambers, que perdeu o treino de segunda-feira, está se tratando de uma amigdalite e tem "chance de 50 por cento" de jogar.

"Na defesa temos a lesão de Debuchy, que nos coloca em uma posição na qual não queremos mais lesões", disse Wenger.

"Monreal também não viajou com a equipe e Chambers tem 50 por cento de chances. Debuchy está fora por um período mais longo. Sanogo ficou em casa com um pequeno problema de tendão".

Wenger pode ser forçado agora a começar com o lateral direito de 19 anos Hector Bellerin.

"Temos também Bellerin, que eu acho que agora está pronto para jogar", disse.

Dortmund e Arsenal já se conhecem bem. As duas equipes se enfrentaram na temporada passada e na competição de 2011, com o otimista Wenger sempre elogiando o técnico alemão Juergen Klopp.   Continuação...

 
Debuchy em jogo do Arsenal contra o Manchester City, no sábado.  REUTERS/Eddie Keogh