September 18, 2014 / 10:44 PM / 3 years ago

Seleção olímpica tem Neymar como referência, diz técnico Gallo

3 Min, DE LEITURA

Neymar comemora gol do Brasil contra a Colômbia, em 5 de setembro. Foto: Robert Mayer-USA TODAY Sports

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A seleção olímpica do Brasil não tem como pensar em abrir mão do atacante Neymar nos Jogos de 2016, segundo o técnico da seleção de base, Alexandre Gallo, que convocou nesta quinta-feira 23 jogadores para amistosos em outubro.

O time olímpico já iniciou a sua preparação para os Jogos do Rio e, diferentemente do passado, desta vez, o planejamento começou mais cedo para o Brasil entrar com chances de ganhar o inédito ouro olímpico.

Segundo Gallo, Neymar é a referência de jovens valores nascidos a partir de 1993 e que terão idade olímpica em 2016. O atacante do Barcelona deverá ser um dos jogadores com mais de 23 anos chamados para o torneio.

“Não tem como ele não ser a referência; é o mesmo que falar da Argentina não trazer o Messi ou Portugal não trazer Cristiano Ronaldo. Não conseguimos ver uma seleção brasileira sem Neymar”, afirmou Gallo a jornalistas.

Neymar foi chamado nesta semana para os amistosos da seleção principal contra Argentina e Japão, no mês de outubro. Já o time olímpico vai jogar um amistoso no mês que vem com o time principal da Bolívia (10 de outubro, em Cuiabá) e um adversário que ainda não foi definido pela CBF.

Uma das novidades da lista de Gallo é o atacante Felipe Gedoz, que jogava no clube uruguaio Defensor Sporting e agora está no Brugge, da Bélgica.

“Jogador rápido, de velocidade, fez ótima Libertadores e foi para Europa. Isso vai ser importante para vê-lo de perto...apostamos bastante nele”, disse Gallo.

Veja a lista de convocados:

Goleiros: Andrey (Botafogo), Jacsson (Internacional) e Georgemy (Cruzeiro)

Zagueiros: Dória (Olympique de Marselha), Wallace (Mônaco), Samir (Flamengo), Nathan (Palmeiras)

 

Laterais: Fabinho (Mônaco), Claudio Winck (Internacional), Wendell (Bayer Leverkusen), Douglas Santos (Atlético Mineiro)

 

Meias: Alison (Santos), Matheus Biteco (Grêmio), Danilo (Braga), Fred (Shaktar Donetsk), Rafael Alcântara (Barcelona) e

Talisca (Benfica)

Atacantes: Ademílson (São Paulo), Luan (Grêmio), Thalles (Vasco da Gama), Douglas Coutinho (Atlético Paranaense),

Vinicius Araújo (Standard Liége) e Felipe Gedoz (Club Brugge)

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below