Catar nega que Copa do Mundo de 2022 pode ser tirada do país

segunda-feira, 22 de setembro de 2014 15:23 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A Copa do Mundo de 2022 será realizada no Catar apesar das dúvidas levantadas por um membro do comitê executivo da Fifa devido ao calor extremo no país no deserto, asseguraram os organizadores do Mundial nesta segunda-feira.

"O Catar vai realizar a Copa do Mundo da Fifa em 2022, apesar dos comentário do membro do comitê executivo da Fifa Zwanziger, que reflete sua opinião pessoal e não a posição da Fifa", disse o diretor de comunicações, Nasser Al Khatera, em comunicado.

"A única questão agora é quando, não se. No verão ou no inverno, nós estaremos prontos", acrescentou.

Em um artigo no jornal alemão Sport Bild, o membro alemão do comitê executivo da Fifa Theo Zwanziger afirmou: "Eu pessoalmente acho que no fim a Copa do Mundo de 2002 não será no Catar."

"Médicos dizem que não podem assumir a responsabilidade por uma Copa do Mundo realizada sob essas condições", acrescentou o alemão.

(Reportagem de Martyn Herman)