2 de Novembro de 2014 / às 17:48 / 3 anos atrás

United é derrotado no primeiro clássico de Manchester do técnico Van Gaal

LONDRES (Reuters) - A resistência tardia do Manchester United se provou em vão após a derrota por 1 a 0 para o atual campeão Manchester City, pelo Campeonato Inglês, no primeiro clássico da cidade com Louis van Gaal no comando do United.

O 151º encontro entre os dois clubes foi decidido pelo gol do argentino Sergio Agüero, aos 18 minutos do segundo tempo, pouco depois de o zagueiro do United Chris Smalling ter sido expulso após receber seu segundo cartão amarelo na partida.

Com a ausência do brasileiro Rafael da Silva na partida e a saída de Marcos Rojo na etapa complementar, a defesa improvisada do United reunia Antonio Valencia, Michael Carrick e os jovens Paddy McNair e Luke Shaw e sofria enorme pressão.

A surpresa ficou por conta do City, que recuou e, de repente, parecia nervoso, mesmo tendo aberto o placar.

No final, o City foi recompensado com a sua quarta vitória consecutiva sobre o vizinho na liga --esta é a primeira vez que isso acontece desde 1970.

Outro fato deprimente para Van Gaal é que este é o pior início de temporada do United desde 1986, quando Ron Atkinson foi demitido e o lendário Alex Ferguson assumiu o comando do time.

Com o resultado, o United caiu para o nono lugar, com 13 pontos em dez jogos e nenhuma vitória fora de casa. Enquanto isso, o City está seis pontos atrás do líder Chelsea e dois do segundo colocado, o Southampton.

Tendo perdido Aleksandar Koralov por causa de uma lesão durante o aquecimento --e com o substituto Gael Clichy--, o City demorou até a metade do primeiro tempo para se encontrar em campo e, quando o fez, o goleiro David De Gea, do United, teve de realizar duas belas defesas seguidas.

Ele frustrou a tentativa de Jesus Navas a menos de seis metros de distância e então salvou a de Agüero. Os dois atacantes precisaram de atendimento após o choque com o goleiro.

Smalling recebeu seu primeiro cartão amarelo por uma besteira, ao levantar seu pé em uma tentativa de retardar a reposição de bola do goleiro do City, Joe Hart, e sete minutos antes do intervalo deu uma entrada dura em James Milner e recebeu o segundo amarelo, o que resultou em sua expulsão.

O United, que contava com Carrick pela primeira vez na temporada após um longo período contundido, poderia ter dois pênaltis contra marcados pouco antes do intervalo, mas o árbitro Michael Oliver concedeu o benefício da dúvida, enquanto o City reclamava das faltas de Marouane Fellaini em Agüero e outra de Rojo em Yaya Touré.

Os visitantes então foram obrigados a fazer outra mudança, Rojo sofreu uma contusão no ombro e foi substituído pelo zagueiro norte-irlandês McNair, de apenas 19 anos.

Dez minutos depois, Touré lançou Clichy, que deu passe para Agüero fazer o seu décimo gol no Inglês na temporada.

Obrigado a pressionar, o United finalmente conseguiu ameaçar o adversário.

Aos 25 do segundo tempo, Hart teve de salvar um chute de Robin van Persie próximo à trave e logo depois impediu que Angel Di María empatasse a partida.

Em seguida, Wayne Rooney, de volta após ficar fora de três partidas devido a uma suspensão, avançou em velocidade, mas não teve sucesso.

Fellaini então perdeu outra oportunidade ao cabecear uma bola para fora na melhor chance do United na partida.

A troca de Edin Dzeko e Sami Nasri por Stevan Jovetic e Milner não conseguiu dar ao City o ímpeto que o time precisava, embora Navas tenha chegado perto de marcar ao acertar a trave pelo lado de fora.

O City ficou aliviado ao ouvir o apito final, conforme admitiu o capitão Vincent Kompany ao Sky Sports: “Você perde algumas chances e parece perder um pouco o controle. Eles jogaram bem da metade para o final do jogo. Mas nós nos mantivemos fortes e conseguimos uma boa vitória no clássico.”

Por Steve Tongue

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below