Treinador da Costa Rica na Copa do Mundo assume a seleção de Honduras

domingo, 7 de dezembro de 2014 14:48 BRST
 

TEGUCIGALPA (Reuters) - A seleção de Honduras anunciou a contratação do colombiano Jorge Luis Pinto, responsável por levar a Costa Rica às quartas de final da Copa do Mundo de 2014 na melhor campanha do país na história. 

Pinto, que assinou até a Copa de 2018 na Rússia e é o terceiro colombiano a comandar os hondurenhos após Reinaldo Rueda e Luis Fernando Suarez, substitui Hernan Medford, demitido na terça-feira após apenas quatro meses e vários maus resultados --incluindo uma derrota por 6 x 0 para o Japão no último mês.

"Estou feliz em informar à família do futebol e aos torcedores que Jorge Luis Pinto é o novo treinador da seleção até a Copa da Rússia em 2018!", anunciou o presidente da Federação Hondurenha de Futebol, Rafael Callejas, em sua conta no Twitter (@rafaelcallejas).

A primeira competição oficial de Pinto será o confronto com a Guiana valendo vaga para a Copa Ouro da Concacaf, que será realizada nos Estados Unidos entre os dias 7 e 26 de julho de 2015.

Honduras, que participou de uma Copa pela primeira vez na Espanha em 1982, se classificou para a Copa de 2010 sob o comando de Rueda e conquistou a vaga para 2014 sob a batuta de Suarez. 

A Costa Rica de Jorge Luis Pinto terminou a Copa do Mundo deste ano invicta e surpreendeu o mundo com vitórias sobre Uruguai e Itália nas duas primeiras partidas da fase de grupos. 

Eles empataram com a Inglaterra no último jogo da primeira fase, depois empataram com a Grécia e a venceram nos pênaltis nas oitavas de final e, por último, nas quartas de final empataram com a Holanda e foram eliminados nos pênaltis.

O treinador de 61 anos já comandou a seleção da Colômbia e vários outros clubes da América do Sul. Conquistou títulos nacionais com o Alianza Lima do Peru, com a Alajuelense da Costa Rica e com o Cúcuta em seu país-natal.

(Reportagem de Gustavo Palencia)