Insaciável, Cristiano Ronaldo quer melhorar após um impressionante 2014

sábado, 27 de dezembro de 2014 14:02 BRST
 

MADRI (Reuters) - Não satisfeito com quatro títulos em 2014, incluindo sua segunda Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, está determinado a fazer do ano que vem um sucesso ainda maior.

Ronaldo marcou 51 gols em 47 partidas na temporada passada, estabelecendo um recorde de 17 gols em uma edição da competição que reúne a elite do futebol europeu, com o Real ampliando sua marca para dez títulos do torneio continental e conquistando a Copa do Rei.

O capitão da seleção de Portugal continuou a partir de onde havia parado na temporada 2014-15, com o clube mais rico do mundo conquistando a Supercopa da Europa e o Mundial de Clubes e ele chegando a 32 gols em 25 partidas em todas as competições.

Sua marca de 25 gols em 14 jogos pelo Espanhol é um recorde no campeonato e ele parece estar preparado para dissipar a maior marca de uma temporada espanhola que são os 50 gols assinalados por Lionel Messi na temporada 2011-12.

“Seria um sonho se 2015 fosse igual a 2014 ou ainda melhor”, afirmou Ronaldo em uma entrevista publicada pelo jornal esportivo As, neste sábado.

“É possível fazer isso porque o Real é sempre um candidato a vencer as competições que disputa”, acrescentou o craque de 29 anos.

“Temos um espírito de grupo que pode nos ajudar a conquistar o maior número de títulos possíveis e vamos lutar até a morte para consegui-los.”

Ronaldo atribuiu muito do recente sucesso do Real à chegada do técnico Carlo Ancelotti, que substituiu o pouco agregador José Mourinho no final da temporada 2012-13.

O italiano Ancelotti imediatamente encerrou a espera do Real que já durava 12 anos para conquistar seu décimo título europeu e usando os milhões do clube construiu um time formidável, que lidera o Espanhol e é um dos favoritos para repetir sua campanha bem-sucedida na Liga dos Campeões.   Continuação...