Piloto do Catar vence Rali Dakar na categoria carros pela segunda vez

sábado, 17 de janeiro de 2015 16:46 BRST
 

BUENOS AIRES (Reuters) - Nasser Al-Attiyah, do Catar, venceu pela segunda vez o Rali Dakar com um carro Mini, depois de completar neste sábado a 13ª e última etapa de 174 quilômetros de Rosário a Buenos Aires, vencida pelo americano Robby Gordon, com um Gordini.

Ao lado de Al-Attiyah, completaram o pódio da competição o francês Gilie de Valliers, com um Toyota, e o polonês Krysztof Holowczyx, também com um Mini.

“Estou muito feliz por ganhar outro Dakar, em 2014 disse que voltaria para vencer e o fiz. Estava bem preparado para essa competição e a dominei desde o início até a última etapa”, declarou Al-Attiyah.

O piloto ressaltou a força de vontade e mental para suportar as dificuldades da prova.

“Foi fundamental ser forte e paciente, porque é uma prova longa na qual não se pode cometer nenhum erro. Estou contente porque fiz um bom trabalho e tive uma grande equipe para correr no melhor nível”, destacou ele.

Na categoria moto, o espanhol Marc Coma conquistou o seu quinto título, o segundo consecutivo, com o português Paulo Gonçalves em segundo e o australiano Toby Price, em terceiro, todos com KTM.

“Como sempre, foi um rali duríssimo e por isso estou muito contente e orgulho”, declarou Coma.

Nos quadriciclos, o polonês Rafal Sonik ficou com o título, com um Yamaha, e o argentino Jeremías González, também Yamaha, e o boliviano Walter Nosiglia, de Honda, completaram o pódio.

Na categoria caminhões, o russo Airat Mardeev, com Kamaz, obteve o seu primeiro triunfo no Dakar, superando seus compatriotas Eduard Nikolaev e Andrey Karginov, também com Kamaz.

 

(Por Luis Ampuero)