22 de Janeiro de 2015 / às 14:03 / em 3 anos

Djokovic e Serena avançam sem problemas no Melbourne Park

MELBOURNE (Reuters) - Os principais cabeças de chave do Aberto da Austrália, Novak Djokovic e Serena Williams, praticamente não precisaram engrenar a segunda marcha, enquanto Victoria Azarenka reforçou sua qualidade nas quadras de Melbourne, no dia mais quente da competição até o momento, nesta quinta-feira.

Tenista norte-americana Serena Williams devolve uma bola durante partida contra a russa Vera Zvonareva pelo Aberto da Austrália, em Melbourne. 22/01/2015. REUTERS/Issei Kato

O tetracampeão Djokovic só precisou acelerar seu jogo depois de uma hora em quadra na vitória por 6-0, 6-1 e 6-4 contra Andrey Kuznetsov, enquanto Serena teve que subir de nível um pouco antes ao enfrentar resistência da ex-número dois do mundo Vera Zvonareva.

Quando a norte-americana, dona de 18 títulos de Grand Slam, entrou no ritmo, no entanto, atropelou a russa com parciais de 7-5 e 6-0 durante a sessão diurna.

A bicampeã Azarenka, cuja posição no ranking despencou para 44 depois que ela disputou apenas nove torneios no ano passado devido a lesões no pé e no joelho, provou que não ficará lá embaixo por muito tempo ao vencer Caroline Wozniacki, oitava cabeça de chave, por 6-4 e 6-2.

“Sabia que não sendo cabeça de chave eu poderia enfrentar qualquer uma. Eu simplesmente aceitei quem quer que fosse do lado oposto e estou feliz com a forma consistente que mantive durante a partida inteira”, disse.

Stan Wawrinka, atual campeão da chave masculina, venceu Marius Copil, o tenista de pior ranking na segunda rodada (número 194), enquanto o oitavo pré-classificado, Milos Raonic, bateu o norte-americano Donald Young em jogos sem maiores dificuldades.

O calor diminuiu bastante para os jogos noturnos no Melbourne Park, mas passou de 35 graus Celsius durante as partidas do dia. O francês Adrian Mannarino não aguentou.

O tenista, de 26 anos, desperdiçou dois match points no terceiro set contra o espanhol Feliciano López, 12º cabeça de chave, mas foi obrigado a abandonar a partida na quarta parcial.

López agora enfrentará o polonês Jerzy Janowicz, que derrotou o francês Gaels Monfils, 17º pré-classificado, em uma partida animada de cinco sets.

A vitória de Serena contra Zvonareva aconteceu cerca de 90 minutos após sua irmã mais velha, Venus, ter derrotado a compatriota norte-americana Lauren Davis por 6-2 e 6-3, enquanto a sexta pré-classificada Agnieszka Radwasnka também passou fácil pela sueca Johanna Larsson por 6-0 e 6-1, em apenas 44 minutos.

O atual vice-campão do Aberto dos EUA, Kei Nishikori, precisou sair de um pequeno buraco após perder o primeiro set para Ivan Dodig, mas quando o japonês esquentou, e as temperaturas continuaram a subir, o croata derreteu.

“Estava... quente lá”, disse Nishikori após vencer por 4-6, 7-5, 6-2 e 7-6(0). “Muito sol. Não foi fácil. Eu fiquei um pouco tonto e cansado. Mas na Austrália é assim.”

O dia também foi de repercussão de uma polêmica fora das quadras. Na quarta-feira, um repórter de TV pediu a Eugenie Bouchard que mostrasse seu vestido com uma “rodadinha” após a vitória na segunda rodada.

A canadense disse mais tarde que achou estranho ter recebido tal pedido, enquanto as redes sociais foram tomadas por acusações de sexismo, apesar de Serena ter dito que há coisas mais importantes para se discutir.

“Eu não pediria a Rafa (Nadal) ou Roger (Federer) para rodar. Se é sexista ou não, eu não sei”, disse ela. “A vida é muito curta para se focar nisso.”

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below