Djokovic derruba Murray e vence o Aberto da Austrália

domingo, 1 de fevereiro de 2015 11:45 BRST
 

Por Ian Ransom

MELBOURNE (Reuters) - Novak Djokovic derrubou Andy Murray por 7/6 (5), 6/7 (4), 6/3 e 6/0 para conquistar o seu quinto título do Aberto da Austrália, recorde da era profissional.

Os dois disputaram um duelo feroz da linha de base nos dois primeiros sets, mas depois de abrir 2-0 no terceiro, Murray sucumbiu à pressão do sérvio e perdeu 12 dos últimos 13 games, enquanto Djokovic fechava uma vitória enfática debaixo das luzes da Arena Rod Laver.

O principal cabeça de chave, Djokovic selou a vitória no segundo match point, correndo à rede após um golpe de aproximação que Murray conseguiu apenas mandar à rede.

O sérvio dos olhos de aço gritou em triunfo e correu para o seu camarote para compartilhar a vitória com a equipe antes de rasgar a sua camisa e jogá-la ao público.

"Azar esta noite. Você é um grande competidor", disse Djokovic, com a Copa Normam Brookes em mãos, na cerimônia de entrega do troféu.

"Você lutou muito, e quero dar os parabéns a sua equipe e desejar o melhor para você durante o resto da temporada. Também quero dar os parabéns a você e a Kim (Sears) pelo seu noivado. Desejo-lhes um casamento maravilhoso".

Agora, Djokovic venceu quatro dos últimos cinco títulos em Melbourne Park, após vencer três seguidos entre 2011 e 2013 e o seu primeiro Grand Slam, na Austrália em 2008.

A derrota parte novamente o coração de Murray naquela região, onde ele agora perdeu quatro finais de Grand Slam, inclusive três para o amigo Djokovic, também com 27 anos.   Continuação...