Agente de Cristiano Ronaldo defende jogador por festa de aniversário após derrota

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015 11:17 BRST
 

(Reuters) - O agente de Cristiano Ronaldo defendeu o vencedor da Bola de Ouro da Fifa das críticas que recebeu por ter feito uma festa para comemorar seu aniversário de 30 anos no sábado, horas depois de o Real Madri levar uma surra de 4 x 0 do Atlético de Madri no Campeonato Espanhol.

Imagens amplamente divulgadas nas mídias sociais, que causaram revolta nos torcedores do Real, mostram o capitão de Portugal e colegas como James Rodríguez, Marcelo e Keylor Navas curtindo a celebração.

    Segundo relatos, o presidente do Real, Florentino Pérez, ficou furioso, e também se comentou que nenhum dos jogadores espanhóis do clube compareceu, incluindo os capitães Iker Casillas e Sergio Ramos, o que evidenciaria uma divisão no grupo.

“Cristiano continua sendo o melhor profissional do mundo, o melhor da história”, declarou seu agente, Jorge Mendes, à rádio espanhola. “Ele ficou muito aborrecido com a derrota”, acrescentou.

“Ele me disse que só ficaria pouco tempo, mas que tinha mais de 40 crianças o esperando na festa e que tinha que ir.”

O fiasco diante do Atlético, que aconteceu depois de o Real ser eliminado da Copa do Rei por seu rival local no mês passado, permitiu ao segundo colocado na liga, Barcelona, ficar a um ponto dos líderes com pouco mais de metade da temporada disputada.

(Por Iain Rogers)

 
Atacante do Real Cristiano Ronaldo, durante jogo contra Atlético de Madri  no estádio Vicente Calderón, em Madri. 7/2/2015 REUTERS/Juan Medina