Uruguai deve ser competitivo na Copa América apesar de ausência de Suárez, diz técnico

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 20:40 BRST
 

MONTEVIDÉU (Reuters) - A seleção uruguaia deve se concentrar para disputar a Copa América sem seu astro Luis Suárez, disse nesta quarta-feira o técnico Oscar Tabárez, que destacou que a "celeste" terá o melhor reforço que se pode pedir quando o atacante voltar a jogar nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Suárez, atacante do Barcelona, foi suspenso pela Fifa em jogos de sua seleção por morder um rival no Mundial do Brasil.

"Estamos trabalhando para ter uma equipe competitiva sem Suárez. Isso é o mesmo que perguntar o que acontece se a Argentina não tivesse Messi. Qual zagueiro joga se a Espanha não tem Sergio Ramos. Não acredito que o Uruguai perca o que tem por não ter Suárez", disse Tabárez em entrevista no site da Copa América 2015.

Suárez poderá retornar à seleção nas eliminatórias sul-americanas para o Mundial. "A seleção que vai ter o melhor reforço vai ser a do Uruguai com a volta de Suárez", declarou Tabárez.

O Uruguai disputará a Copa América com um time em pleno processo de renovação, após ser quarto na Copa de 2010, ganhar o título continental na Argentina um ano depois e chegar às oitavas de final na Copa do Mundo de 2014.

"Vamos com uma equipe em renovação e isso pode despertar certas dúvidas e certas expectativas", afirmou o treinador.

A Copa América será disputada de 11 de junho a 4 de julho. Na primeira fase, o Uruguai estará no Grupo B junto com Argentina, Paraguai e Jamaica.

(Reportagem de Esteban Farat)

 
Luís Suárez, do Barcelona, comemora gol marcado contra o Córdoba pelo Campeonato Espanhol. 20/12/2014 REUTERS/Albert Gea