Federação inglesa repreende Chelsea e Everton por briga de jogadores

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 16:42 BRST
 

LONDRES (Reuters) - O Chelsea e o Everton levaram uma bronca da federação de futebol inglesa pelo confronto tumultuado na partida de quarta-feira do Campeonato Inglês, mas Branislav Ivanovic não será punido pela briga com James McCarthy.

“Tanto Chelsea quanto Everton foram repreendidos pela federação de futebol inglesa por não fazerem com que seus jogadores se portassem de maneira ordeira e/ou se abstivessem de provocações”, informou a entidade em comunicado nesta quinta-feira.

Os ânimos se exaltaram a quatro minutos do final da partida, vencida pelo Chelsea por 1 x 0 em casa, quando jogadores dos dois times se confrontaram. Ivanovic, zagueiro do Chelsea, ficou impune mesmo depois de começar uma briga sem razão aparente com o meio-campista McCarthy.

O sérvio Ivanovic não sofrerá nenhuma punição, já que a federação disse que um comitê de três membros que analisou o incidente não considerou ter se tratado de um gesto digno de expulsão.

O Chelsea, que tem sete pontos de vantagem na liderança do Inglês sobre o Manchester City, está há três partidas sem o atacante Diego Costa, que foi supenso por dar um pisão em um adversário.

O técnico José Mourinho também foi multado recentemente pela federação por insinuar que há uma “campanha” para influenciar as decisões dos árbitros contra seu time.

(Por Toby Davis)

 
Branislav Ivanovic, de Chelsea, agarra James McCarthy, do Everton, durante partida do Campeonato Inglês no estádio Stamford Bridge. 11/02/2015 REUTERS/Eddie Keogh