França chora morte de esportistas mortos em acidente de helicóptero na Argentina

terça-feira, 10 de março de 2015 14:49 BRT
 

Por Eliana Raszewski e Mark John

BUENOS AIRES/PARIS (Reuters) - A França lamentou nesta terça-feira a morte de três estrelas do esporte que estavam entre as 10 pessoas mortas na colisão de dois helicópteros em uma região remota da Argentina durante a filmagem de um reality show.

Os investigadores removeram os corpos da nadadora olímpica Camille Muffat, da velejadora Florence Arthaud e do boxeador Alexis Vastine da carcaça queimada de umas das aeronaves, mas disseram ainda não estar claro o que causou o acidente na tarde de segunda-feira na província de La Rioja, no oeste argentino. Não houve sobreviventes.

Filmagens amadoras feitas no local mostraram os dois helicópteros voando em fila, em baixa altitude, quando um deles parece se desviar e entrar no rumo do outro. Em seguida as duas aeronaves caem.

Um segundo vídeo mostrou dezenas de pessoas correndo pela mata densa na direção das fuselagens em chamas. O acidente ocorreu perto das 17h15.

“A morte súbita de nossos cidadãos franceses é motivo de imensa tristeza”, declarou o gabinete do presidente francês, François Hollande, em um comunicado.

Como parte do programa, outros competidores se encontravam vendados no solo a algumas centenas de metros da rota de voo dos helicópteros, relatou a mídia francesa. Eles correram ao local da queda mas não conseguiram apagar o fogo, disse um assistente dos competidores ao canal de televisão francês RFI.

Um juiz no local disse que os 10 corpos foram recuperados dos destroços das aeronaves e estavam sendo levados ao instituto médico legal da capital provincial.

Dois pilotos e membros da produtora ALP-TV envolvidos na filmagem do programa de aventura “Dropped” para a rede francesa TF1 estão entre os mortos, afirmaram autoridades.   Continuação...

 
Fotógrafo tira foto de cartaz em homenagem a mortos em acidente de helicóperto na Argentina. 10/03/2015.    REUTERS/Jean-Pierre Amet