Klopp deixará Dortmund no fim da temporada; Manchester City é possível destino

quarta-feira, 15 de abril de 2015 12:55 BRT
 

DORTMUND (Reuters) - O técnico Juergen Klopp disse nesta quarta-feira que vai deixar o Borussia Dortmund no final da temporada, apesar de seu contrato até 2018, porque sente que não é mais o homem certo para o trabalho.

"Sempre disse que iria fazer isso caso não fosse mais o técnico perfeito para este clube", disse Klopp a repórteres, sentado ao lado dos diretores do clube Hans-Joachim Watzke e Michael Zorc. "O Dortmund precisa de mudança", completou.

"Escolhi esta hora para fazer o anúncio para não criar pressão com o tempo, como foi o caso de algumas decisões de alguns jogadores nos últimos anos. Acredito que é a decisão certa", disse.

Dirigentes do clube disseram que não iriam falar sobre possíveis sucessores por respeito a Klopp.

O clube passou por uma campanha nacional ruim, que levou o clube, com títulos em 2011 e 2012, a uma batalha contra o rebaixamento até uma melhora recente.

Klopp assumiu o Dortmund em 2008 e, além dos títulos da liga, ganhou a Copa da Alemanha, desafiou o Bayern de Munique pelo domínio no Campeonato Alemão e chegou às finais da Liga dos Campeões em 2013.

"Nós, todos em Dortmund, precisamos nos preparar para sua saída nas próximas semanas, uma saída digna de suas conquistas", disse o diretor de esportes do clube, Michael Zorc, para Klopp.

Klopp, de 47 anos, já é alvo de especulações sobre uma possível mudança para a Inglaterra. O futuro incerto do técnico Manuel Pellegrini, do Manchester City, gerou especulações de que Klopp pode ser o substituto do chileno.

(Por Karolos Grohmann)

 
Juergen Klopp durante entrevista coletiva em Dortmund.  15/04/2015  REUTERS/Ina Fassbender