Corredores da Etiópia e do Quênia vencem Maratona de Boston

segunda-feira, 20 de abril de 2015 14:54 BRT
 

Por Scott Malone e Richard Valdmanis

BOSTON (Reuters) - O maratonista da Etiópia Lelisa Desisa e a corredora do Quênia Caroline Rotich foram os ganhadores masculino e feminino da Maratona de Boston nesta segunda-feira, dois anos após a corrida ter sido alvo de um atentado a bomba.

Desisa, que entregou sua medalha de vencedor à cidade após o ataque de 2013, passou na frente dos rivais em uma arrancada pela rua Boylston, terminando a corrida em 2h9min17s.

"Boston Forte!", gritou Desisa após cruzar a linha de chegada, em uma versão do lema "Força Boston" adotado pela cidade após o ataque de 2013 que matou três pessoas e feriu outras 264.

A queniana Caroline teve um fim de prova mais dramático, ganhando de Mare DiBaba, da Etiópia, na reta final para fechar a corrida com o tempo de 2h24min55s.

A segurança foi reforçada perto da linha de largada em Hopkinton, ao longo do percurso de 42 quilômetros e perto da linha de chegada em Boston, por conta da explosão de 2013, um dos principais ataques em solo norte-americano desde o 11 de setembro de 2001.

Desisa desbancou o atual campeão da prova, Meb Keflezighi, da Califórnia, que em 2014 marcou a primeira vez que um homem norte-americano venceu a corrida em três décadas. Keflezighi terminou em oitavo desta vez.

 
Ganhadores da Maratona de Boston Lelisa Desisa, da Etiópia, e Caroline Ritich, do Quênia. 20/04/2015 REUTERS/Winslow Townson-USA TODAY Sports