Gallo deixa seleção olímpica e Dunga comandará Brasil nos Jogos do Rio

sábado, 9 de maio de 2015 09:15 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O técnico da seleção sub-20 e olímpica do Brasil, Alexandre Gallo, deixou o cargo, informou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na noite de sexta-feira, acrescentando que Dunga vai dirigir a seleção nos Jogos de 2016, no Rio de Janeiro.

Mario Rogério Micalle assume o cargo de Gallo na sub-20 e vai trabalhar na preparação da seleção para o Mundial da categoria na Nova Zelândia. A competição acontece a partir do fim do mês e será precedida de um período de treinamento que começa semana que vem.

"Em acordo realizado com a comissão técnica da seleção brasileira, Alexandre Gallo deixa as funções de treinador das seleções sub-20 e olímpica após 27 meses de trabalho na Confederação Brasileira de Futebol", disse a CBF em seu site.

Gallo não tinha boa relação com Dunga, que assumiu a seleção principal em julho, depois da Copa do Mundo.

A difícil classificação da sub-20 para o Mundial gerou um enorme desgaste para Gallo junto à direção da CBF. O Brasil se classificou em quarto lugar no Sul-Americano e ficou com a última vaga para o torneio.

Dunga já dirigiu o Brasil na Olimpíada de Pequim, onde conquistou a medalha de bronze.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)