Blatter renuncia à presidência da Fifa e convoca nova eleição

terça-feira, 2 de junho de 2015 14:27 BRT
 

Por Brian Homewood

ZURIQUE (Reuters) - O presidente da Fifa, Joseph Blatter, renunciou ao cargo nesta terça-feira, quatro dias após ser reeleito para um quinto mandato, e disse que uma nova eleição será realizada o mais rápido possível.

Blatter, de 79 anos, anunciou a decisão em entrevista coletiva em Zurique dias após uma operação do FBI que resultou na prisão de dirigentes do esporte, incluindo o ex-presidente da CBF José Maria Marin.

O suíço foi reeleito depois de seu único concorrente, o príncipe jordaniano Ali bin Al Hussein, retirar seu nome da disputa após perder na primeira rodada de votação.

"Eu considerei amplamente minha presidência e pensei sobre a minha presidência e os últimos 40 anos da minha vida", disse Blatter, falando em francês, em entrevista coletiva.

"Esses anos foram ligados muito proximamente à Fifa e a esse esporte maravilhoso que é o futebol. Eu aprecio e amo a Fifa mais do que qualquer coisa e só quero o melhor para o futebol, a Fifa e a nossa instituição", acrescentou.

"Eu decidi concorrer novamente porque estava certo de que essa era a melhor opção para o futebol. Apesar de os membros da Fifa terem me dado um novo mandato, esse mandato não parece ter o apoio de todos no mundo. É por isso que irei convocar um congresso extraordinário a ser realizado o mais rápido possível, para a eleição de um presidente para me suceder."

 
Presidente da Fifa Joseph Blatter durante entrevista em Zurique. 30/5/2015.   REUTERS/Arnd Wiegmann