Tribunal mantém acusação contra Messi por suposta fraude fiscal

quarta-feira, 10 de junho de 2015 15:32 BRT
 

MADRI (Reuters) - O Tribunal Provincial de Barcelona anunciou nesta quarta-feira que negou recurso do jogador do Barça Lionel Messi e mantém a acusação contra o atacante por suposta fraude fiscal.

O jogador argentino e seu pai, Jorge Horacio Messi, foram acusados em 2013 de fraudar o Estado espanhol em mais de 4 milhões de euros mediante a apresentação de declarações de impostos falsas entre 2006 e 2009.

O jogador recorreu da decisão de manter acusação contra ele no caso, depois que seu pai e representante assumiu toda responsabilidade e o pagamento às autoridades de 5 milhões de euros em setembro do ano passado.

(Reportagem de Carlos Ruano)

 
Atacante Lionel Messi, da seleção da Argentina, durante treinamento da equipe para a Copa América em La Serena, no Chile. 09/06/2015 REUTERS/Marcos Brindicci