Guerrero diz que Peru está concentrado na seleção brasileira, não em Neymar

sexta-feira, 12 de junho de 2015 15:46 BRT
 

SANTIAGO (Reuters) - O atacante Paolo Guerrero descartou que a seleção peruana esteja realizando um trabalho específico para anular Neymar na estreia da Copa América contra o Brasil, algo que o técnico Ricardo Gareca havia insinuado nesta semana.

O argentino Gareca havia sugerido a possibilidade de que o Peru fizesse uma marcação individual no atacante do Barcelona, ​​mas Guerrero disse nesta sexta-feira que os treinamentos feitos por sua equipe na cidade chilena de Temuco não apontam nessa direção.

"Nós não fizemos nenhum trabalho específico quanto a Neymar. Jogamos contra a equipe do Brasil, não contra Neymar, estaremos focados no que o Brasil vai fazer", disse o atacante, que trocou o Corinthians pelo Flamengo recentemente.

O ex-atacante do Bayern de Munique ressaltou a importância do jogo de domingo no estádio Germán Becker em Temuco diante da seleção brasileira, que sob o comando do técnico Dunga soma 10 jogos com vitória.

"Estamos bem, a equipe está concentrada, bem concentrada no que vai fazer no jogo contra o Brasil. É sempre muito importante ter um bom resultado no primeiro jogo e estamos trabalhando para isso", disse o maior artilheiro em atividade da equipe peruana, com 21 gols.

"Há um bom ambiente, a equipe vem bem. Sabemos que o adversário, Brasil, é o favorito para ganhar a Copa América, mas temos de demonstrar que somos uma equipe com fome de vitórias", acrescentou o jogador de 31 anos.

Após a estreia no domingo, o Peru, que já ganhou duas vezes o torneio de seleções mais antigo do mundo, enfrentará dia 18 a Venezuela e três dias depois a Colômbia.

(Reportagem de Rodrigo Charme)

 
Jogador Paolo Guerrero, da seleção peruana 8/6/2015 REUTERS/Paco Chuquiure