EUA examinam pagamentos da Nike em patrocínio da seleção brasileira, diz WSJ

sexta-feira, 12 de junho de 2015 21:54 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - Autoridades norte-americanas estão examinando os pagamentos feitos pela Nike Inc sob um acordo de patrocínio da seleção brasileira de futebol em 1996 por possíveis evidências de irregularidades da empresa ou outras partes, afirmou o jornal Wall Street Journal nesta sexta-feira.

Citando pessoas familiarizadas com o assunto, o jornal disse que as alegações de corrupção em torno do acordo de 160 milhões de dólares da Nike para patrocinar a seleção são discutidas em termos velados na acusação do Departamento de Justiça contra dirigentes da Fifa.

A acusação descreve que uma empresa multinacional norte-americana de roupas esportivas fechou um acordo para patrocinar a federação brasileira e, em seguida, fez outra negociação com um intermediário de marketing esportivo, que supostamente usou os pagamentos da empresa para pagar subornos, afirmou o jornal, acrescentando que as pessoas familiarizadas com o assunto confirmaram que a companhia é a Nike.

(Reportagem de Eric Beech)