June 15, 2015 / 12:06 AM / 2 years ago

No sufoco, Brasil vence Peru por 2 x 1 em estreia na Copa América

4 Min, DE LEITURA

Douglas Costa comemora gol do Brasil com Neymar em jogo contra o Peru.Ricardo Moraes

(Reuters) - O Brasil saiu atrás no marcador e precisou de um gol aos 47 minutos do segundo tempo para derrotar o Peru por 2 x 1 na partida de estreia da equipe na Copa América do Chile, neste domingo, com um gol e uma assistência de Neymar garantindo o resultado apesar de uma atuação inibida da seleção.

No primeiro jogo em competição oficial desde a campanha vergonhosa na Copa do Mundo do ano passado, e motivado pela série de 10 vitórias seguidas em amistosos desde o Mundial, o Brasil encontrou no time peruano um adversário mais duro do que esperava e só conseguiu marcar o gol da vitória nos acréscimos da etapa final graças à qualidade individual do camisa 10.

Douglas Costa marcou o gol decisivo após receber a bola livre dentro da área em passe excelente de Neymar, que marcou o gol de empate brasileiro no primeiro tempo depois que o Peru abriu o marcador.

“Toda estreia é difícil, ainda mais numa competição sul-americana, com toda rivalidade entre os países”, disse Neymar em entrevista à TV logo após a partida. “Mas conseguimos a vitória, que é o mais importante”, acrescentou.

Com o resultado da partida disputada em Temuco, no sul do Chile, o Brasil empata com a Venezuela na liderança do Grupo C, ambos com três pontos. Os venezuelanos bateram a Colômbia por 1 x 0 mais cedo neste domingo.

Ao contrário de muitas equipes de menor tradição que preferem se fechar na defesa contra o Brasil, o Peru saiu para o jogo e buscou o ataque, tornando a partida aberta. Logo aos 2 minutos os peruanos abriram o placar, aproveitando duas falhas consecutivas da defesa brasileira.

Pressionado por Guerrero dentro da área, David Luiz recuou a bola na fogueira para o goleiro Jefferson, que, em vez de bater para frente, tentou passar para Dani Alves. Cueva antecipou-se ao lateral brasileiro e bateu firme para fazer 1 x 0.

O empate da seleção saiu apenas dois minutos depois. Neymar iniciou a jogada no centro do campo e comandou o ataque. A bola chegou na direita para Dani Alves, que cruzou na cabeça do próprio Neymar, livre para marcar.

Apesar da maior posse de bola, o Brasil não conseguiu aproveitar as chances para virar o marcador na etapa inicial. Na melhor delas, Neymar teve um chute salvo quase em cima da linha pela zaga adversária.

Aparentemente irritado com a arbitragem e reclamando bastante, Neymar ainda levou um cartão amarelo pouco antes do fim do primeiro tempo por ter tirado com a mão a espuma usada pelo juiz para marcar onde a bola deveria ser colocada numa cobrança de falta.

No momento em que os peruanos passaram a equilibrar a posse de bola, o técnico Dunga mudou o Brasil e colocou em campo os meia-atacantes Douglas Costa e Firmino nas vagas de Diego Tardelli e Fred em meados do segundo tempo.

Éverton Ribeiro também entrou em campo quando faltavam cinco minutos, mas a seleção continuava enfrentando dificuldades para chegar à vitória.

Só depois que o quarto árbitro levantou a placa mostrando quatro minutos de acréscimo a seleção brasileira conseguiu o gol da vitória.

A equipe voltará a campo na quarta-feira para enfrentar a Colômbia na segunda rodada do Grupo C, e encerra a participação na primeira fase contra a Venezuela no próximo domingo.

Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below