Chile e México empatam por 3 x 3 em partida eletrizante da Copa América

terça-feira, 16 de junho de 2015 08:11 BRT
 

Por Felipe Iturrieta

SANTIAGO (Reuters) - As seleções do Chile e México realizaram, na noite de segunda-feira, a melhor partida até agora na Copa América, em um confronto intenso que terminou empatado em 3 x 3 e deixou a equipe chilena a um passo de se classificar para as quartas de final.

Com o empate, o Chile se manteve em primeiro no Grupo A com quatro pontos, assim como a Bolívia, que passou pelo Equador mais cedo na segunda por 3 x 2. O México ficou com dois pontos e o Equador continua sem pontos.

"Foi uma partida muito difícil, eles jogaram parecido com a gente, com muita ida e volta. Temos que melhorar várias coisas, mas o importante é que melhoramos desde a primeira partida", disse o meia chileno Arturo Vidal, autor de dois gols, após a partida. Eduardo Vargas marcou o outro do Chile.

A pressão da equipe chilena deixou espaços na defesa, que foram aproveitados pelo México. Aos 20 minutos, a partida estava complicada para a equipe chilena, dirigida pelo técnico argentino Jorge Sampaoli, e os jogadores começaram a pedir apoio dos 48 mil torcedores que foram ao Estádio Nacional de Santiago, em tentativa de aumentar a pressão contra os mexicanos.

"Foi uma boa partida para as duas equipes, uma grande intensidade. Mas houve alguns descuidos na zona defensiva em que podíamos ter conservado a vantagem", disse o goleiro mexicano Jesús Corona à TV Azteca. Os gols mexicanos foram feitos por Matias Vuoso (dois) e Raúl Jiménez.

 
Arthuro Vidal, do Chile, cabeceia a bola marcado pelo mexicano Julio Domínguez em partida da Copa América. 15/06/2015 REUTERS/Ivan Alvarado