Murray derrota Goffin e Grã-Bretanha conquista a Copa Davis

domingo, 29 de novembro de 2015 14:08 BRST
 

Por Martyn Herman

GENT, Bélgica (Reuters) - Andy Murray selou o primeiro título da Grã Bretanha na Copa Davis em 79 anos com uma brilhante vitória por três sets a zero (6-3, 7-5 e 6-3) sobre o belga David Goffin na quadra central lotada da arena Flanders Expo, em Gent, neste domingo.

Mesmo diante de centenas de torcedores britânicos enrolados nas bandeiras do país torcendo pelo escocês e milhares de belgas ruidosos empurrando Goffin, Murray conseguiu manter os nervos para dominar o inspirado oponente, e dar aos visitantes a vitória por 3 a 1 na série final.

Murray se viu forçado a exibir um pouco do seu melhor tênis contra um adversário que não desistia do jogo, e no fim acabou compensado com a vitória, levando seu país ao título que não era conquistado desde 1936.

O escocês oscilou um pouco quando perdeu o saque no começo do terceiro set, mas o número três do mundo se recuperou e abriu 5-3 na parcial.

Ele fechou a partida em grande estilo, com um lindo lob que enganou Goffin, antes de desabar na quadra na comemoração.

Os colegas de Murray, o capitão Leon Smith e a equipe de suporte pularam em cima do tenista vitorioso, que depois foi erguido ao alto pelos demais jogadores antes de saudar os animados torcedores britânicos.

"Os últimos anos têm sido incríveis", disse Murray, emocionado, em quadra. "Eu mal posso acreditar no que fizemos, nunca pensei que conseguiríamos. Eu jogo meu melhor tênis quando atuo pelo meu país."

"A atmosfera foi fenomenal. Eu imagino que festejaremos muito essa noite."   Continuação...