Novos indiciamentos dos EUA sobre Fifa vão incluir 16 pessoas, diz fonte

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015 15:03 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - Autoridades norte-americanas vão nomear 16 novos acusados em um indiciamento que será apresentado nesta quinta-feira pelo Departamento de Justiça dos EUA relacionado ao esquema de corrupção no futebol mundial, informou uma fonte judicial.

A fonte disse que os indivíduos são principalmente do Ocidente e que o indiciamento trata em parte de acusações de corrupção em contratos de diretos de transmissão de torneios de futebol.

Segundo reportagem do jornal The New York Times, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero, e o ex-presidente da entidade Ricardo Teixeira estão entre os indiciados.

O também ex-presidente da CBF José Maria Marin, antecessor de Del Nero e sucessor de Teixeira, foi preso na Suíça em maio como parte de indiciamento anterior de autoridades norte-americanas e foi extraditado para os Estados Unidos.

(Reportagem de Mark Hosenball e Mica Rosenberg)

 
Sede da Fifa, encoberta por neblina, em Zurique. 03/12/2015 REUTERS/Arnd Wiegmann